PUDIM DE LEITE CONDENSADO do TRANSAMÉRICA

A primeira vez que experimentei esse pudim, há 20 anos, gostei tanto que pedi a receita… Que susto! Como assim 250 gemas, sei lá quantos litros de leite, uma tonelada de açúcar, etc e tal…  Só que, naquela época, eles me deram a receita que satisfazia a gula de 900 ávidos hóspedes. É verdade, pode reparar: todo mundo que conhece o Hotel Transamérica, logo logo vem com aquela ilustre e derradeira pergunta: Já comeu o pudim? Como

Ler mais…

TORRADAS e patês!

Tinha certos tipos de alimento que eu amava quando menina. Amava tanto que até hoje me lembro deles, e um deles é a torrada. E olha que na minha lembrança, as torradas eram grossas, cada uma de um tamanho, quebradas, com a manteiga mal passada… mas por outro lado, sempre bem crocantes! Isso é que faz

Ler mais…

Cookies da Ise

Quando a Ise estava com apenas quatorze anos, nos pediu para morar na Suíça, interna na Tasis. Levamos um susto danado, mas a deixamos investir na ideia. Ao nos trazer todas as informações bem mastigadas… pronto, não tivemos nem coragem de recusar. E lá fomos nós levar nossa menina para uma temporada de seis meses.

Ler mais…

BOLO DE FUBÁ COM ERVA-DOCE E COCO

Todo dia recebo por e-mail mil sugestões de pauta. Hoje veio da 22 Graus Comunicação, da Letícia Ramos, uma receita dilucious. O prato em questão, desenvolvido pela chef Luiza Vilarinho, é um BOLO DE FUBÁ COM ERVA-DOCE E COCO, que é uma excelente opção para esse período de inverno bravo que estamos vivendo. Imagina que prazer enorme comer um pedação desse

Ler mais…

BATATA RÖSTI

O termo Rösti refere-se a algo que, depois de preparado, se torna dourado, crocante e macio por dentro. Por baixo da BATATA RÖSTI, esse ouro crocante inventado pelos suíços, qualquer saladinha de folhas fica “tudo de bom”. E por cima dela… tudo fica gostoso: experimente com ovo poché, espinafre, tomatinhos cereja e molho hollandaise, tipo Eggs Benedict.

Ler mais…

CyberChimps