Dilu na Rede Globo

Dilu na Rede Globo

.

Ultimamente tenho aprendido tanta coisa, que cheguei ao absurdo de me ouvir dizendo: “Não dou conta de aprender mais nada, chega!” Rsrsrsss… Só rindo! E pensar que é tudo o Dilucious que me traz, que me dá, é o que me faz crescer, que me faz feliz, e por causa dele, comecei com aulas de computação… (Até porque não queria aprender mais nada! Rsrssss…) Organizando, olhando aqui, revendo aquilo, enfim, limpando o computador… que maravilha, aprendi mais uma coisa! Descobri como passar filmes para o blog, delícia! Porém, em algum cantinho esquecido do arquivo, minha satisfação foi muito maior quando dei de cara com este vídeo. Além da boa lembrança do dia que a Rede Globo veio aqui em casa, achá-lo me trouxe mais que alegria. Veio junto uma espécie de reconhecimento, de gratidão a mim mesma: pelo meu empenho, pela minha busca do conhecimento! Foi por esse momento do vídeo, foi por essas e outras, foi pelo antes, pelo agora e pelo que imagino será o depois, que hoje tenho o Dilucious, que me completa, que me faz ver o quanto sou bem-aventurada, que me dá prazer, que faz uma coisa muito boa acontecer em meu coração: ver que através dele sou surpreendida todos os dias e mais uma vez, ter a comprovação de que é possível encontrar a felicidade no simples (e) inesperado. Beijos, Dilu

.

aaaa

Oiiiê, se quiser receber um email avisando quando publicamos um novo post, por favor deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

ser com arte

Você poderá gostar de:

41 comentários em “Dilu na Rede Globo

  1. O mais bacana nesta sua busca pelo conhecimento é a sua generosidade em compartilhar e nos
    enriquecer com suas descobertas.Gratuitamente!!!
    Muito linda vc é!!!!

    • Junia minha querida, lindo é tudo que nos une, o que é sincero, carinhoso, amoroso, que nos faz cúmplices e que nos levará pela vida afora. Amo!

    • kkkkkkkkkkkkkk Bianca é engraçadinho mesmo, muito bunitinho. Ele fica imaginando o que é, e solta um “Num sei não”. Também adorei! Bjss querida

    • Minha linda, eu estava completamente inibida e falei para a repórter que não conseguiria falar. Aí ela disse:

      “Dilu, relaxa, sabe porque? É muito difícil este video ser aprovado, porque se sair, é em rede nacional e para isso, ele vai ser mandado pro Rio e é lá que é decidido. Pode ficar tranquila, porque a maioria que mandamos, não vai ao ar”

      Aí relaxei mesmo e ela me perguntou como comecei a me interessar pela gastronomia molecular e eu disse como foi o meu início:

      “Que eu queria muito fazer uma espuma e que poderia ser de qualquer coisa: de abobrinha, xuxu, etc Que passei o dia inteiro tentando, fiquei na cozinha até tarde, e na hora que consegui não tinha ninguém pra compartilhar comigo da minha alegria, que foi emocionante”

      Amiga, só quem, como nós gosta de cozinhar, entende esse tipo de emoção, não é?

      Esse prato que fiz pra ela foi uma feijoada “molecularmente” falando: Espuma de caipirinha, caldo de feijão, ar de laranja, flan de carnes de porco variadas.

      Mas o engraçado foi bem depois, eles não me avisaram que iria ao ar. Estávamos Luiz e eu aqui assistindo TV e de repente… vejo o anuncio do próximo assunto: meu prato de feijoada. Levei um susto e disse: Amor, olha isso, alguém pegou meu prato de feijoada! Depois que fui ver que era eu mesma! kkkkkkkkkkkkk

      • hahahah adorei a história, deve ter sido mais gostoso ter sido pega de surpresa na tv!! Sei muito bem como é comemorar a vitória de conseguir acertar em algo na receita, no meu caso foi o merengue italiano que eu nunca conseguia fazer direito antes. É aquele sentimento de que nunca vamos desistir até conseguir acertar!

        Obrigada por me contar! Beijos!!!

        • Ah não Maria, esse merengue é outra coisa que já desisti. Tem certas coisas que nem adianta ficar batalhando muito, já cheguei a essa conclusão. Sempre que não consigo, depois de várias tentativas, penso assim: “Isso não me pertence” kkkkkkkkkkkk É o caso do… esqueci o nome, que do Ladurée é o melhor do mundo… hummmm ah macaron afff…

  2. Dilu minha amiga, vc fala em reconhecimento e gratidão. Muito bacana a maneira que vc leva a vida. Escreve, cozinha, fotografa, reconhece seu valor e sabe agradecer tb a Deus. Parabens por isso. ah e tb pela atuação na Rede Globo! hehehehe

    • Obrigada amiga, mas como continuar sem gratidão, não é mesmo? E também como prosseguir sem ciência do que temos, do que somos, ou do que podemos? Bjs amor

    • Ei Lu, que alegria você por qui, muito bom.
      Não aprendi não fia, aconteceu que nem vi que estava sendo filmada, ela começou a conversar e fui falando…. kkkkkk
      Bjs e volta mais

  3. Amei!!! Não sabia q minha amiga era global!! Logo logo alguém da ZDF ou RTL (canais alemães) tocam na sua casa…;-) Aguarde… Já estamos morrendo de saudades!!! Mil beijos

    • Nós também minha linda querida, fiz uma rodada com os queijos que sobraram mas muto triste sem vocês.
      Como foi a volta? E a readaptação da Sophie sem a vovo Beth?

  4. Dilu , Dilux , Dilucious ……. ”Dislumbrante” !!!
    Amei sua desenvoltura , voz plenamente empostada , gestual demonstrando total segurança …
    Parece umas das consagradas ” globais ” ! Amei , vc fica linda também com os cabelos mais curtos .
    A Rede Globo tem que voltar , fazer nova matéria e mostrar em rede nacional sua evolução …. rsrsrs , se foi tudo tão lindo àquela época , hoje vc está à beira da perfeição !
    Parabéns queridinha , bjs !

    • Ah Nilza de tudo, o melhor é chegar aqui no blog e encontrar um comentário seu. Isso sim, me traz MUITA alegria!!!! Espero continuar tendo essa alegria sempre! Bjs minha querida, sinto muita saudade de vc

  5. Que legal a matéria da Globo com você. A gastronomia molecular, pra mim, seria o estudo científico do delicioso. Rsrsrs
    Parabéns!!! Bjs!

  6. Muito interessante… quem apenas cozinha por prazer ter tido essa oportunidade, e quem realmente precisa… Eles poderiam ter dado essa oportunidade para quem precisa, você não acha?

    • Maria Estela, será que “eles” nos dão ou as oportunidades somos nós mesmos que as fazemos?
      Quando minha filha era pequena eu vivia repetindo pra ela: Lembre-se sempre que quando se perde uma oportunidade, ela nunca mais retorna, então trate de ficar atenta aos sinais, pois neles vc pode encontrar (ou perder) várias chances que a vida te oferece.
      Um forte abraço com carinho,
      Dilu

  7. Querida Dilu,

    Ao partilhar com minha filha Luiza o seu blog, me deparo com este post, maravilhoso, que nos encantou de uma forma muito especial..
    Parabéns pela espontaneidade, e pela matéria.

    Um carinhoso abraço.

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps