BONOMI, BON até no NOMI!

Gente, olha que programa mais Dilucious! Nem parece Belo Horizonte. Minha querida amiga Angela vira e mexe nos chama para fazê-lo, e sempre acontece alguma coisa que nos impede. Mas nesse domingo, fomos e adoramos. Ficamos sentados ali, na sombra das árvores, lindas e frondosas. Despretensiosamente degustando uma comidinha igualmente despretensiosa. Hummm… Foi uma delícia! Segundo Luiz (meu marido que todos já sabem ser um chato, que não come nada), este é um programa gostoso. Reserve um prazer como este, para aqueles domingos que o nada a fazer toma conta do dia, e no finalzinho da tarde, bateu a fome? Rumo à BONOMI, BON até no NOMI!

Bonomi arvore

BONOMI

Para quem não conhece, a BONOMI é uma padaria de luxo. A linda casa tombada, de 1902, tem pé-direito alto e seu projeto também é puro luxo!

bonomi placa

bonomi frente

bonomi lateral

Agora… Ao comprar as delícias vendidas lá dentro, aí sim, o luxo se torna completo.

Bonomi prat paes

Bonomi Paes

bonomi flor

A qualquer hora do dia, a Bonomi acolhe quem tiver vontade de degustar coisas deliciosas. O espaço mistura casa de chá, padaria, restaurante e lanchonete chic. Desde sua inauguração, a casa não teve concorrente. O conceito faz pensar que aquela belezura não está instalada no Brasil, quiçá… em BH.

Bonomi goiabada

Bonomi janela

Projeto da super conceituada arquiteta Freusa Zechmeister (se algum dia eu montasse um empreendimento gastronômico, o projeto seria da Freusa). Mesa comunitária, sempre com revistas e jornais. Vasos com flores sempre lindas. Música clássica. Lousa com as sugestões do dia. Ah… como disse antes, uma belezura!

Fotos do João Delpino

Fotos do João Delpino

bonomi copos

Fotos do João Delpino

Fotos do João Delpino

Por tudo isso, difícil é se sentir numa padaria, onde as estrelas são os pães. Mas só que é isso mesmo, e o forte da casa são as baguetes, ciabattas de diversos sabores, um tipo pain d’epice que leva especiarias e mel, um pão com laranja que chega à perfeição quando servido com foie gras, um que chama pão “completo” (Luiz não fica sem), croissant… ah os croissants… o com amêndoas… Não dá para descrever toda a variedade. Acredite, são perfeitos!

Pão completo

Pão completo

Bonomi vitrine de pao

bonomi pao

Bonomi paes 3 prateleiras

Na vitrine fria, a parte da confeitaria não fica atrás. Lá, fazendo treinamento para resistir à tentação, vários sabores de macarons, cannelés, florentin com amêndoas, casca de laranja e chocolate. Aff!!! E quem resiste?

bonomi vit doces

bonomi vitrine de doces

Não posso dar minha opinião sobre os sanduíches, que são super famosos, pois comi logo que a Bonomi abriu. Dizem que depois dos pães, croissants, biscoitos, petit fours, eles são o “forte” da casa. O de Ciabatta com presunto cru, mussarela de búfala, tomate seco e pasta de manjericão é o sanduíche que está em cartaz desde a inauguração. Já ouvi mil pessoas falarem super bem do Hot-dog recheado com gruyère e também o de Salmão defumado e queijo brie que é feito com pão preto com centeio e granola, e o de Frango desfiado com curry.

Foto tirada da Internet

Foto tirada da Internet

Para completar o delicioso astral da tarde, minha irmã Dorinha e o marido Randy apareceram, apesar de não terem ficado para almoçar. 

Randy, Dorinha, Angela, Luiz, eu e João

Randy, Dorinha, Angela, Luiz, eu e João

bonomi angela e dorinha_Fotor_Collage

Como disse anteriormente, era final de tarde e claro, a fome “tinindo”… rsrssss… Pedimos uma Fritada de Bacalhau e a gulodice me fez esquecer de tirar foto. 

Fritada de Bacalhau

Fritada de Bacalhau

 João pediu um picadinho delicioso com arroz Basmati.

Picadinho com Arroz Basmati

Picadinho com Arroz Basmati

Luiz comeu um Ravioli de muçarela com Molho de tomate. Ah… já ia me esquecendo de informar uma coisa muito boa. A Bonomi tem um anexo onde são vendidas as massas e os molhos para serem levados para casa.

Ravioli de queijo

Ravioli de queijo

Meus amigos já sabem que não consigo comer um prato inteiro. Aqui em casa eu sirvo um monte de pequenos pratos, acho que é por isso que nunca dei conta de muita comida com um mesmo sabor. Então, todas as vezes tem um amigo dividindo um ou dois pratos comigo. Hoje foi dia da Angela: dividimos um Tagliatele com picadinho de carne e shiitake. Depois uma carne simples e deliciosa com batatas.

Tagliatele

Tagliatelle com picadinho e shiitake

Carne

Carne

Ninguém quis sobremesa. Não entendo! Como pode uma refeição ser completa sem adocicar a alma? Rsrsrss… Papo de gorda! Eu pedi uma torta de chocolate sem farinha (para tapear não sei quem!). Estava gostosinha.

Torta de chocolate sem farinha

Torta de chocolate sem farinha

O João é louco com Cannelés. Só lembrei de tirar a foto quando só tinha um…

Cannelé

Cannelé

Angela e eu ainda dividimos um café com… esqueci! Estava mais ou menos bom, por isso não me lembro mais.

Café

Café

Foi uma tarde super agradável, bem diferente do que o belorizontino tem costume de fazer. Talvez por isso, estava vazio lá fora. Mas fica o toque! É verdade que num programa como esse, não podemos chamar atenção no modo de vestir. Devemos usar bijoux, abusar das roupas simples  e claro, só o cartão de crédito no bolso. 

Bonomi la fora

Fora essas coisas chatas que têm constantemente acontecido no nosso cotidiano, às quais precisamos nos acostumar, já que a cada dia piora um pouquinho, recomendo demais o programa. Juro, vai ser BON! Então… Rumo à BONOMI, BON até no NOMI!

m

Escrevi o meu post sobre a BONOMI antes da eleição dos melhores da Revista VEJA COMER & BEBER BH 2014, por isso, achei por bem copiar a matéria:

veja

A melhor padaria de BH: Casa Bonomi

A qualquer hora do dia, uma visita ao estabelecimento de Paula Bonomi é um convite aos olhos e uma tentação para o apetite

04 de Junho de 2014

bonomi veja

Ao entrar na Casa Bonomi, é quase impossível não relembrar o passado ou, ao menos, imaginá-lo. É inevitável sentir a aura de outro tempo no imóvel construído em 1902, que abriga a padaria. Mais de um século se passou, e o respeito à sua idade continua intacto graças ao trabalho da proprietária, Paula Bonomi, em parceria com a arquiteta Freusa Zechmeister. Funcionando como depósito de uma loja de brinquedos até meados da década de 90, mudou de classe novamente com a recuperação do teto aparente no interior e dos frisos na fachada, além da colocação de janelas especialmente desenhadas e do piso de peroba do campo. O resgate se estendeu aos armários de madeira de demolição e às bancadas, agora sempre repletas de itens de dar água na boca. O croissant puro custa R$ 4,50 e o com chocolate, R$ 7,00. A baguete italiana, disponível em dois tamanhos (R$ 22,00 o quilo), é ótima para preparar bruschettas em casa e uma das receitas preferidas de Paula. “Não precisa ter um recheio especial, só manteiga basta”, sugere ela. Se preferir aproveitar um pouco mais o espaço, escolha uma das mesas e em seguida um quitute do cardápio. O cappuccino (R$ 6,00) com a panqueca de queijo (R$ 21,00) são boa escolha no repertório do café da manhã.

Rua Cláudio Manoel, 460, Funcionários, ☎ 3261-3460/8334. 8h/22h30 (dom. e feriados até 20h; fecha seg.). Cc: A, D, M e V. Cd: M, R e V.  Aberto em 1997.

aaaa

 Se quiser receber um email avisando quando publico um novo post, por favor deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

24 comentários em “BONOMI, BON até no NOMI!

  1. Dilu, acabei de conhecer o Dilucious e estou impressionada. Muito bacana, parabéns! Tudo lindo.
    Adoro a Bonomi e adorei a ideia de ficar lá fora.
    Beijos, Antonella

    • João Pedro querido, é verdade, mas precisei tirar todo o glamour do post alertando sobre esse desastroso inconveniente que se abateu sobre todos os brasileiros. Infelizmente! Mas tem um segurança que fica lá fora, sei que não adianta muito, mas… Contar com a sorte e não usar joias e relógios. Bjs

  2. Dá até vergonha ao ler os últimos parágrafos. Quando a gente ia imaginar que chegaríamos nesse ponto. Até quando meu Deus? Você trabalha pra comprar um relógio bacana e não pode usar. Uma bolsa, ou uma roupa melhor. Que isso, muito triste.

    • É verdade Heloiza. Muito triste e desanimador. Tenho a impressão que hoje vivemos constantemente com essa preocupação a mais. Só rezando muito, se me permite: NÃO ME ATEMORIZO COM MÁS NOTÍCIAS, QUANDO MEU CORAÇÃO ESTÁ CONFIANTE NO SENHOR.
      Bjs e fica com Ele

  3. Ahahaha… achei o máximo o dinindo de fome. Só faltava se “dininu” kakakaka
    Eu gosto de tirar as fotos também, mas muitas vezes eu acabo esquecendo. E depois que eu lembro quase morro de raiva kakakaa

    • Junia, realmente os preços são salgados. Não são pães, biscoitos, peti fours e bolos que você compra toda hora. Mas o bom na vida é isso mesmo, não é? Olha só, sentir o desejo de ter algo mais difícil é muito gostoso, eu acho! Pois na hora que vc tem… faz do momento muito mais gostoso!

  4. não sabia que abria para almoço tbm… vou lá conferir.. obriada (mais uma vez) por esta dica preciosa…
    todos lindos na foto… beijão para as queridas Dorinha e Dilu!!

  5. Dilu e Junia, salgado é meu nome, os preços lá são azedos! Gente, tem bolinho pequenininho lá que custa 7 reais cada um. Como assim? Um pacotinho tb pequenininho de biscoito custa um absurdo.
    Mas vc tem razão Dilu, pra de vez em quando, tudo bem, e o lugar é mesmo fantástico.
    Beijo nas duas

  6. É Dilu , a Bonomi é uma verdadeira tentação , pois tudo lá é divino …
    Sentar-se do lado de fora , curtir a sombra das árvores , degustando tantas delícias que a casa oferece , ainda não o fiz .
    Acho os preços bemmm salgados , mas , compensa diante da excelente qualidade !
    Sem dúvida alguma nunca existiu estabelecimento que concorrese com a Bonomi , a não ser um ou outro produto que prefiro de outros locais .
    Que delícia aquele ”pedaço” da Claúdio Manoel/ Afonso Pena … tanto pela maravilha do casario , qto pelas gostosuras ali oferecidas … rsrsrs , haja ”bolso” e disposição pra depois ”queimar” o inevitável ”atolar o pé na jaca” !!!
    Adorei o post , há um tempo não vou lá … passo pertinho quase diariamente e resisto a tudo custo .
    rsrsrs … mas agora , sei não , viu ???
    Bjs , queridinha .

    • Ah Nilza, é verdade… “que delicia aquele pedaço da Claúdio Manoel/ Afonso Pena … tanto pela maravilha do casario , qto pelas gostosuras ali oferecidas … rsrsrs” Fia, haja apenas vontade de ir, vamos marcar uma tarde dessas lá?

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps