França IMPACTANTE – ROCAMADOUR

Ah essa França e seus deslumbres imperdíveis!

É difícil programar um dia inteiro onde se tem muito o que ver e “babar”. Por isso não vai ser ainda desta vez, apesar de eu ter dito no último post SÍNTESE, que vamos chegar no Perigord… Rsrsrsss… Pois a 15 km do Chateau de la Treyne (outra beleza), tem um desses deslumbres chamado Rocamadour – cidade tombada pela Unesco que recebe 1,5 milhões de turistas ao ano e a Grottes de Lacave, outra maravilha, só que esta, da natureza.

.

.

França IMPACTANTE

ROCAMADOUR 

Luiz

Luiz

Muitos visitantes consideram Rocamadour inesquecível, mas eu, que a vi pela primeira vez à tardinha e à noite, dou outro adjetivo: IMPACTANTE.

Rocamadour ao entardecer

Rocamadour ao entardecer

De repente, quando fizemos a curva, apareceu aquele esplendor… aquela cidade poderosa, linda bem à nossa frente. Sim, deslumbre é o mínimo que posso dizer daquilo.

Rocamadour a noite 6

Posso dizer inesquecível, fascinante, extasiante, enfim… Dê você mesmo um nome adequado para um lugar como esse.

Rocamadour a noite 2

Infelizmente, quem vê tudo isso por foto, jamais alcançará o fascínio que este lugar oferece.

Rocamadour a noite 3

Sua beleza exacerbada, onde a verticalidade das construções se amontoam numa falésia, parece um desafio à natureza e à tecnologia da época.

Rocamadour a noite 5

Claro que retornamos, e a vila, sem deixar de ser impactante também durante o dia, se torna um lugar meio poético, com sua história que remonta à pré-história, suas pequenas ruas tortuosas, suas casas encravadas nas rochas, suas cavernas ornadas com pinturas, seu comércio com lojinhas que vendem desde os típicos souvenires, até os produtos da região, seu santuário, que por sua vez, tem sua monumental escadaria de 216 degraus que os peregrinos subiam – e sobem até hoje, e o mais importante: La Vierge Noire ou Virgem Negra do século IX.

Rocamadour vista de longe

Rocamadour cruz

Rocamadour arcos

Rocamadour de dia

Rocamadour escadaria

Rocamadour 2

Rocamadour Virgem negra

A origem de Rocamadour é desconhecida, mas dizem que numa das habitações encravadas nas rochas morou Zachée, eremita morto por volta de 70 d.C. que cavou um eremitério e por lá viveu seus dias de solidão.

É tudo tão alto que tive de tirar quase todas as fotos na vertical

É tudo tão alto que tive de tirar quase todas as fotos na vertical

Rocamadour 2_Fotor_Collage

Rocamadour 8_Fotor_Collage

Rocamadour 12_Fotor_CollageRocamadour 4_Fotor_Collage

Rocamadour 10_Fotor_Collage

Rocamadour entardecer

Dizem também que Carlos Magno teria visitado o santuário quando foi lutar contra os mouros na Espanha. Também as rainhas Leonor da Aquitânia, Branca de Castela, os reis Henrique II da Inglaterra, São Luís IX, Carlos IV, Luís XI da França e… eu.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

.

GROTTES DE LACAVE

Rocamadour mapa

Como nosso tempo estava super escasso, tivemos de optar por Grottes de Lacave, e deixar a de Padirac para a próxima (é um espetáculo que recebe em torno de 400 mil visitantes ao ano, recorde do turismo subterrâneo na França).

Grottes de lacave 1

Enquanto que Lacave, que é uma cavidade natural, recebe cerca de 100 mil pessoas ao ano.

Grottes de lacave 2

Grottes de lacave 3

As salas subterrâneas, lagos, cavernas e galerias mais interessantes da Grotte de Lacave são acessadas por um pequeno trem elétrico.

Grottes de lacave 4

A visão das formações rochosas e das estalagmites é um colírio para os olhos.

Grottes de lacave 5

Grottes de lacave 6

Grottes de lacave 7

Grottes de lacave 12

Tudo fracamente iluminado por luz ultra-violeta para trazer a fluorescência natural.

Grottes de lacave 8

Grottes de lacave 9

Grottes de lacave 10

Grottes de lacave 11

A beleza de tudo aquilo vai num crescente… É preciso caminhar num piso úmido e pouco iluminado, por isso recomendo sapatos mais confortáveis, seguros e se possível, de sola de borracha.

Grottes de lacave 13

Grottes de lacave 14

Só como curiosidade, utensílios pré-históricos, sílex, armas de osso e chifre foram descobertos durante as explorações.

Grottes de lacave 15

Grottes de lacave 16

Gente, é uma viagem às profundezas da terra… e acredite, do coração! IMPACTANTE!!!

 

aaaa

Se quiser receber as atualizações do Dilucious, cadastre-se aqui. Obrigada, Dilu! 

.

BBB

Você poderá gostar de:

23 comentários em “França IMPACTANTE – ROCAMADOUR

    • Priscila querida, você acredita que fiquei tão envolvida com as fotos dos dois lugares que me esqueci da parte gastronômica? Imperdoável! Mas mesmo assim, me desculpa. Acho que me alimentei apenas com a beleza… Rsrsrsss…

    • Bernadete querida, você tem razão. O próximo post traz uma cidade que na hora que eu vi, chorei. Maravilhosa. Espero e veja no domingo. Bjs e super obrigada

  1. Dilu, muito legal o seu jeito de falar da sua viagem. Dá pra gente fazer um roteiro já antecipado. Obrigada, beijos, Gisele

  2. Nossa Dilu, no post Síntese falei em dar um ” tam”, mas já vi que daqui prá frente só vai dar onomatopéias: pow para o impacto de hoje! Me senti a própria batgirl naquelas cavernas! Tum tum tum para o meu batimento cardíaco só de pensar em subir aqueles degraus!
    Estou ansiosa pelos próximos posts! Bravo! Amei! Beijos

    • kkkkkkk ah não Polinha! Hoje vou ter de pedir licença e dar uma corridinha no dicionário kkkkkk Verdade! onomatopéias????

      tic tac
      tic tac

      kkkkkkkk

      Gente voltei! Vocês sabem o que quer dizer onomatopéias? Ao dizermos que um grilo faz “cri cri” ou que batemos à porta e fazemos “toc toc”, ou que estamos demorando e fazemos tic tac, estamos utilizando onomatopéias.

      Polinha… tã nã nã nã… para o próximo! kkkkkkkk

      Adorei!

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps