Não só de Noches Mágicas vive a CASA BATLLÓ em BARCELONA

BATLLO Barcelona

Espanha. Chegamos em Barcelona nessa nossa viagem dos sabores. Barcelona é o máximo! Basta uma caminhada para, não só cair nos sabores, mas cair de amores. Sou apaixonada pela cidade e quero partilhar com vocês nossa estada lá, porém, sou incapaz de fazer isso num único post, terei de dividir em vários. Quero muito poder transmitir a verdadeira essência de Barcelona e espero que gostem de passear por lá a partir do meu olhar. Quem conhece a bela cidade não quer mais nada, aliás, só muito tempo – o suficiente para desfrutar o turbilhão de coisas que ela oferece. Ah… Barcelona… Quem te conhece não esquece jamais!

.

Não só de Noches Mágicas vive a CASA BATLLÓ

BARCELONA

Por Dilu Bartolomeo Villela

BATLLO Placa

Barcelona é uma das cidades onde qualquer pessoa seria feliz se pudesse morar (ah… se eu fosse dona do meu próprio nariz…) ou ao menos, ter a oportunidade de passar uns seis maravilhosos meses na veia da cidade deixando encantar a alma, pulsar o coração, enfim…

O novo e o antigo de mãos dadas

O novo e o antigo de mãos dadas

Caminhando, observando e apreciando sua bela arquitetura, aprendendo a entender o espírito Las Ramblas, descobrindo cada pedacinho elegante do Passeig de Gracia, dançando a sardana na Plaça de Catalunya, experimentando sua fantástica gastronomia, e por fim, contemplando o colorido infantil de Gaudí e sua fenomenal obra espalhada por quase toda a cidade…

OLYMPUS DIGITAL CAMERAOLYMPUS DIGITAL CAMERA

E é com esse gênio criativo, Antônio Gaudí, que me sinto na obrigação de encabeçar a série sobre Barcelona. Dentre suas magníficas obras, a Casa Batllló é uma das atrações mais visitadas da cidade.

No último andar da Casa Batlló

No último andar da Casa Batlló

A Casa Batlló pertencia a José Batlló Casanova e sua arquitetura ficou a cargo de ninguém menos que Gaudí, que a tornou conhecida como A Casa dos Ossos por causa de seus balcões externos, que se assemelham a um crânio.

batlo luiz_Fotor_Collage

Mais a frente explico, mas não só de Noches Mágicas vive a CASA BATLLÓ, mas sim da magia de sua fachada, do seu piso principal, das suas portas, do seu pátio de luzes, dos lustres, das ondulações do seu telhado, das peças que restaram, dos seus maravilhosos e detalhados mosaicos…

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

A Casa Batlló está incluído numa lista que contém os projetos que se destacam no mundo, pela ousadia ou pela genialidade ou excentricidade.

batlo 6_Fotor_Collage

É isso aí, Gaudi não hesitou em arrojar ao inspirar-se na fauna e flora. As formas orgânicas e lúdicas se espalham por todos os seus trabalhos.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Quase sem quinas, a ligação entre teto e parede é sempre arredondada para dar a impressão de não existirem começo e fim de uma ou outra parede. Exemplo disso é a escada que liga o térreo ao primeiro andar. Ela parece estar sendo abraçada pelo teto e pelas paredes. Esquadrias de madeira curvadas em formas de onda, telhado que lembra escamas de peixe e em um dos tetos tem um lustre que lembra uma água-viva.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

O vão interno da casa recebeu paredes revestidas com azulejos azuis que refletem a luz solar, além disso, a ideia é dar ao visitante a impressão de estar mergulhado no mar.

batlo eu 2_Fotor_Collage

Gaudí variou o tamanho das janelas para equilibrar o arejamento e luminosidade natural. Por exemplo: nos primeiros andares, que naturalmente falta luz, além de distribuir portas e janelas em lugares estratégicos, ele usou vidraças com aberturas maiores.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

No terraço da casa existem lindas chaminés revestidas com cerâmica e vidro colorido.

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

DILUdica: Nossa primeira visita à CASA BATLLÓ foi à tarde, mas sugiro que vá pela manhã, pois é mais vazia, e saiba, no verão é um calor quase insuportável!

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Agora explico o “Noches Mágicas”. Bem… Por si só, a magnífica casa Batlló já vale a visita. Mas tente imaginar unir o maravilhoso ao espetacular. Sim, no verão do ano passado a casa Batlló apresentou o espetáculo Noches Mágicas que aconteceram até o dia 27 de setembro. Quem estiver na cidade nessa época não deixe de pesquisar.

Batlo 2_Fotor_Collage

A casa Batlló estará para sempre no mesmo lugar, com cada um daqueles seus deslumbrantes realces, mas imagina ter a chance de apreciá-los no terraço à luz de muitas velas, pois foram elas que iluminaram o evento.

Batlo_Fotor_Collage

Se quando você for não tiver o espetáculo, não se preocupe! As opções gastronômicas ali perto são inúmeras. A primeira vez que fomos à Casa Batlló, jantamos no TAPAS,24, que gostei muito, mas depois, Dorinha foi e… veja o post TAPAS,24 e Alkimia QUEM TEM FAMA… Na segunda vez fomos em um restaurante super bacana, em outra hora eu mostro, ok?

TAPAS 24

TAPAS 24

Se não comprar a entrada com antecedência e não tiver paciência para encarar a fila, por favor, não deixe de apreciar a arquitetura nada convencional para os nossos padrões, pelo menos do lado de fora… Vale a pena ser contemplada! Mas a genialidade de Gaudí entra mesmo em ação é do lado de dentro. Então, acredite, enfrente o que for, e entre – custe o que custar, pois não só de Noches Mágicas vive a CASA BATLLÓ. O video a seguir não me deixa mentir, parece que ele quer nos transportar ao reino encantado… MA-RA-VI-LHO-SO!!!!!

.

Love Casa Batlló…y el vídeo premiado! ..and the awarded video! El 1er premio Mejor Film Cultural 2014 y el Gran Premio del 7º Festival Internacional de Riga. #love #casabatllo #gaudí #barcelona

Posted by Casa Batlló – Gaudí Barcelona on Terça, 29 de abril de 2014

.

DILUdica: Nossa primeira visita à CASA BATLLÓ foi à tarde, mas sugiro que vá pela manhã, pois é mais vazia, e saiba, no verão é um calor quase insuportável!

aaatorto

Se quiser receber um email avisando quando publicamos um novo post, por favor deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

17 comentários em “Não só de Noches Mágicas vive a CASA BATLLÓ em BARCELONA

  1. Gaudí é o mago das formas,lúdico,fantástico!Amei cada uma das suas obras .Incrivel como,na Casa Batló em particular,cada detalhe foi pensado para ser funcional:corrimão ergonômico,escotilhas que deixam entrar a luz criando jogo de luzes e sombras.As venezianas que simulam guelras ventilando o ambiente!

    • Beth, é tudo tão fascinate! Imagina… o cara além de gênio da arte, ainda tinha esse tipo de preocupação naquela época. Muito bacana!

  2. No ano passado estive em Barcelona e a cidade não ganhou o meu coração. Não consegui encontrar o charme lá do qual todos falam e também não consegui comer bem, fui em alguns restaurantes onde a comida estava muito bem preparada mas o sabor não casava com o nosso paladar. Aí fiquei na dúvida se o problema era o cozinheiro ou a gente!

    Mas eu voltaria a Barcelona só pela igreja Sagrada Família que é imperdível e emocionante, e pelas outras obras de Gaudí! Infelizmente o resto da cidade não conseguiu me atrair. Gostei muito mais de Madrid e Sevilla.

    • Ah Maria, que pena! Puxa vida, fico até triste em saber que você, logo você tão aberta a tudo, não foi feliz em Barcelona. Mas precisamos conversar mais, preciso te convencer. Na realidade a única coisa que não gostei dessa última vez, foi o calor, pq a cidade é maravilhosa (sob meu olhar kkkkkkk…).

      • Quero voltar pra lá mas com uma visita guiada para entender o olhar das pessoas sobre a cidade! Eu gosto de me perder nas ruas, só fui em lugar sinistro e sem graça hahaha Eu cheguei com muita expectativa lá. Pelo menos o hotel em que eu fiquei eu amei, era uma maravilha, se chama Alma Barcelona que fica na esquina da Passeig de Gracia, lá tinha o melhor café da manhã do mundo! Inicialmente íamos ficar em outro hotel, mas tivemos uma decepção quando chegamos na porta e ficamos rodando a cidade à procura de outro e este foi um grande achado! Eu esperava comer muito bem lá depois de uma grande experiência em Madrid e Sevilla, mas não. Talvez seja por isso a gente não encontrou graça na cidade. Acredito que hotel e comida ruim podem estragar a viagem.

  3. Incrivel como Antonio Gaudi é o arquiteto que todos conhecem, dificil acontecer isto nesta profissao de arquiteto. Normalmente todos conhecem um pintor tal, um cientista, um cirurgiao plastico, um tenista, um corredor de formula 1, etc, mas um arquiteto, só ele mesmo. Genio!

    • Lígia querida, na realidade existem uns mega arquitetos, os nossos Oscar Niemeyer, Ruy Ohtake, Lucio Costa, o mexicano bacanérrimo Barragán, inclusive uma mulher fantástica chamada Zaha Hadid, o Frank Gehry (até estive num hotel que ele projetou, maravilhoso! e o que projeto que acabou de ficar pronto e já cheio de críticas, o museu da Louis Vuitton). Mas no fritar dos ovos, vc tem razão, as que ficam mais em evidência realmente são essas outras profissões. Bjs

  4. Ave Barcelona, quem te conhece não te esquece jamais AMO!
    To amando o que vem por ai, Barcelona atraves de seu olhar… olha! olhar de fada é diferente

  5. Dilu, eu só posso falar que vc tem um bom gosto danado. Sua maneira de mostrar a cidade é super bacana, veja bem: ao invés de mostrar em qual restaurante ir na região, vc dá a dica de onde não ir hehehehe

    • Rsrsrsss… Nem sempre é assim Leonardo. Nesse caso é porque o Tapas24 é super famoso e as pessoas vão pela fama. Acredito que já não esteja tão bom, conforme o post escrito por minha irmã Dorinha, que esteve lá depois de mim. Mas num outro post eu vou falar em qual fui e que estava muito bom. Bjss e obrigada

  6. Boa tarde Dilu.
    Em primeiro lugar eu quero de antemão te agradecer pq eu acho que as dicas de Barcelona vão ser otimas e muito bem vindas. Eu e alguns amigos vamos em junho e vou seguir tudo que vc colocar aqui.
    Depois eu queria saber qual hotel que vc hospedou lá
    E depois ainda, como nenhum de nós conhecemos a cidade, eu queria saber assim qtos dias mais ou menos que ia ser bom pra gente reservar pra lá. E mais uma (hahaha) Tem algum passeio legal perto da cidade pra gente ir visitar?

    • Cândida, obrigada eu minha querida!
      Acho que vai dar tempo de colocar o que fizemos em Barcelona antes de você e seus amigos viajarem.
      Conheço 4 noteis em Barcelona:
      Vincci Marítimo, na praia, meio longe do centro, era 4 estrelas, bom, mas tinha de pegar metro ou taxi e isso é ruim, ne?
      O outro era um Best Western num ponto excelente: PREMIER Hotel Dante. Honesto e barato.
      O outro foi o El Palace, um hotel melhor com atendimento muito bom, mas um pouco velho, café da manhã excelente, tem quarto mais velho e mais novo, sei disso pq eu quis trocar.
      E o último foi o Mandarin, despensa comentários, mas é mais caro. Ponto excelente.
      Ah Cândida, tem um lugar IMPERDÍVEL perto de Barcelona: Monserrat. Simplesmente maravilhosa!!!! Se vocês alugarem carro, ótimo, se não, será preciso contratar um carro ou pedir ao concierge do hotel para olhar nas agências.
      Vamos nos falando, tá?
      Bjss

  7. Querida Dilu, estou sem palavras, pela sua sensibilidade ao compartilhar a sua experiência em Barcelona. Este já é o segundo Niver que passo neste cidade que me encanta, e me seduz. Este vídeo que vc incluiu e maravilhoso e eu não o conhecia. Obrigado minha querida por aguçar em nós o olhar para o que profundo, simples e de forma paradoxal complexo até mesmo imortal, como estas obras de Gaudi.

    • Ah minha linda querida, como você é sensível. Que comentário mais lindo! Obrigada por despender seu precioso tempo. Você é demais!!!!

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps