Bvlgari – Milão em alto estilo!

Sempre que alguém me dizia que estava de viagem marcada pra Milão, eu falava: Humm… logo Milão? Mexe com isso não… Eu sei, Milão é considerada referência mundial em design, capital dos fashionistas, berço da arte, uma cidade dinâmica, moderna, cosmopolita, às vezes caótica (um dia eu conto). Numa cidade como essa, claro, existem excelentes opções de restaurantes, mas mesmo assim, não conseguia me encantar. As vezes que estivemos por lá, quando Louise estudava ali perto, ficávamos hospedados no Principe di Savoia, hotel que também não me seduziu… E ainda voltei mais uma vez. Mas confesso: incluí Milão no nosso roteiro por outro motivo… Para observar o legado de um lendário joalheiro italiano num empreendimento hoteleiro e dessa vez…

 

Bvlgari – Milão, em alto estilo

Por Dilu Bartolomeo Villela

Bulgari Eu

.

Existem coisas que instigam, provocam, seduzem, são cobiçadas, desejadas, enfim, coisas que excitam pelo simples fato de possuírem um “nome” – puro objeto de desejo.

.

Bulgari

.

É o que ocorre quando uma mega marca de joias resolve investir em hotel.

.

IMG_2857

.

Perto das famosas Via Montenapoleone e Via della Spiga, coração cultural e comercial/chic de Milão, se encontra o Bvlgari, primeiro hotel da rede de joalheria.

.

IMG_2854

.

Está instalado em um prédio do Séc. XVIII, numa rua super tranquila, que mais parece uma vila ou um canto privado.

.

Bulgari eu na ruinha

.

Decorado com toque contemporâneo, mas a meu ver, definido pela famosa essência italiana da “dolce vita”.

.

bulgari

.

O projeto do Bvlgari ficou a cargo de Antonio Citterio, famoso por sua linha de mobiliário. Ele representa o melhor que o design italiano tem a oferecer.

.

IMG_3057

.

A decoração cria uma refinada atmosfera low profile, refletindo a atenção aos detalhes pela qual a joalheria Bvlgari é famosa, com um algo de raro e de peso.

.

IMG_3469

.

A experiência Bulgari começa no lobby, pequeno e bem simples, onde somos recebidos com toalhinhas quentes… Simples? Nem tanto, né?

.

Bulgari toalhinha

.

Cheirinho de velas e de chá verde da linha “Bulgari” perfuma todos os ambientes.

.

IMG_3177

.

Depois do check-in, somos convidados a tomar um drink e atravessamos um lounge, esse sim, espaçoso, com uma imponente lareira em Zimbabwe (granito raro e preto que é usado em vários locais do hotel).

.

Lareira bulgari

.

Pé-direito alto (quase cinco metros de altura) e o painel em madeira com várias fotos de famosos cria uma atmosfera elegante, mas bem informal. Show!

.

IMG_3119IMG_3114IMG_3110

.

Tudo tão precioso e bonito que podemos comparar o hotel às joias com assinaturas homônimas. Tudo muito chic sim, mas o luxo não é ostensivo. A intenção é abusar no charme e nas várias manifestações de simplicidade, (claro, chics) e carinho.

.

IMG_2876

.

Pra completar, a propriedade se encontra dentro de um oásis de serenidade em 4.000 m2 de jardim privado.

.

IMG_2836

.

O belo jardim é a alma do Bvlgari. Quando o tempo está bom, podemos desfrutar de momentos deliciosos, mergulhados em meio ao paisagismo.

.

IMG_3161

.

Se o tempo não permite, podemos ficar na parte interna. O bar que dizem, as boas e exigentes línguas, ser um dos mais badalados de Milão, oferece vista para o jardim.

.

IMG_3304IMG_3165IMG_3305

.

O restaurante Il Giardino faz parte deste coração social do hotel.

.

IMG_3011IMG_3010IMG_3012

.

Ambiente privilegiado e cenário ideal para momentos marcantes na vida de qualquer pessoa.

.

IMG_3014

.

Que dirá de uma experiência gourmet ministrada pelo chef Roberto di Pinto (amanhã eu posto o jantar).

.

Bulgari eu e chef

.

Cheia de surpresas maravilhosas…

.

.

.

O staff é treinado para prestar serviço de primeiríssima, porém simples. Deu pra entender? Não? É que jamais você sentirá incômodo ou constrangimento, coisas que normalmente, acontecem em ambientes muito estrelados.

.

balas

.

Equipe formada por jovens, zero ar de superioridade, extremamente cordiais, zelosos, prestativos, enfim, uns fofos! Acho até que estão ali pra solucionar nossos problemas, os mais inesperados! Exemplo: minhas fotos não estavam boas, o Carlo Bevilacqua me deu uma verdadeira aula. De novo, obrigada a este querido e sua linda esposa que nos atendeu no restaurante!

.

IMG_3016

.

Existe um dado interessante no conceito da hotelaria de luxo. Dentro de rigorosas regras, é observada a sensação dos hóspedes ante a forma como são tratados e valorizados. E outra, design elegante, mobiliário chic e atmosfera de fantasia devem ser sinônimo de calor.

.

Lareira bulgari

.

E lá, o cliente é mimado com pequenos luxos como personal shopper, personal guide, etc, etc, e o melhor, mordomos que desfazem e fazem malas (mas pra isso, elas devem estar/ser impecáveis… rsrssss… não é meu caso).

.

Bulgari

.

Meros mortais assim como nós, optam por uma categoria de quartos não muito amplos, mas espaçosos o suficiente para proporcionarem conforto.

.

hotel-bulgari-qto

.

Mobiliados de forma simples e decorados com poucas peças… Imagine uma cama extremamente confortável com lençóis macios, cheirosos, etc e tal!

.

IMG_2834

.

Possuem portas/janelas com vista para o belo jardim.

.

IMG_2835

.

O closet também é… satisfatório! Rsrrsss…

.

IMG_2879

.

Bacana mesmo é a mensagem na T.V. – uma aula de cidadania!

.

BulgariIMG_2887

.

Acompanhados de um chá delicioso, sempre são oferecidos diferentes delícias e chocolates (Bvlgari, claro!). Tudo simples!

.

IMG_3345IMG_3006

.

O banheiro… Ah, o banheiro! kit by… nem precisa dizer, né? Bulgari pra todo lado!

.

Banheiro bulgariBulgariIMG_2872

.

Shampoo, gel, hidratante, perfume, fósforo, toalhas, lixa… afff… tudo, tudo… Em suma, coisinhas que a gente não consegue deixar pra trás! Simples assim!

.

IMG_2846BulgariIMG_2859

.

O café da manhã é ótimo, naquele ambiente super agradável!

.

IMG_3121bulgari cafeIMG_3131bulgari

.

Mas infelizmente, tem um biscoito que tira qualquer ser humano do sério.

.

IMG_3168

.

Falei tanto que ganhei de lembrancinha!

.

IMG_3160

.

Para um relax depois de um agitado dia de passeios, compras e gastronomia em Milão… olha onde podemos fazer uma “paradinha”… afff!

.

Bulgari

.

Mas podemos relaxar no Spa, que oferece todos os ritos de bem-estar em um cenário liiiiindo e requintado. Tivemos como cortesia uma massagem que seria feita nesta maravilha. Vocês acreditam que não tivemos tempo de usufruir? Não? Nem eu!

.

bulgari spa

.

E a piscina? Evoca a imagem de uma esmeralda de rara beleza… (Já que é Bvlgari, vamos pensar em joias…).

.

hotel-bulgari-spa

.

Bem gente, tá na hora de finalizar e gostaria de dizer que devemos retornar a um lugar que não gostamos para dar mais uma chance. Hoje, como “confessei” lá no início, só incluí Milão no nosso roteiro por causa do Bvlgari.

.

IMG_3314

.

O bom que ele me trouxe 5 “estrelas”, pois vi Milão com outros olhos! Olhos de quem se encontra no “céu”! Em outro post falarei tudo da cidade, ok?

.

IMG_3477

.

Estando em Milão e não se hospedando no Bvlgari, não deixe de conhecê-lo. Vá para jantar ou pelo menos dar o ar de sua graça no bar… Ah… mas tem uma coisa: um belo happy hour por ali finalizará sua estadia e assim, seu post poderá até chamar Bvlgari – Milão, em alto estilo… rsrsrss…

.

aaaa

Se quiser receber um e-mail avisando quando publicamos novo post, por favor, deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

37 comentários em “Bvlgari – Milão em alto estilo!

  1. Amiga, é um hotel espetacular mesmo mas eu penso que café da manhã não deveria de ser cobrado o que vc acha disto? Se eles não cobrassem eles não provocariam antipatia e teriam mais clientes. Um abraço, Gê

    • Sim Gê, cobrar café da manhã é algo antipático, talvez fosse melhor que os hotéis embutissem o valor na diária. Mas eles sabem o que fazem, né? Um abraço pra vc também e volte sempre!

  2. Realmente pra ser um hotel de uma joalheria tão chic não é nada excepcional como a gente imagina. Tudo muito bonito mas normal simples assim!

    • Eu também achei que seria mais suntuoso, imaginei que fosse até constrangedor, Leonardo. Mas ainda bem que é num lugar desse que comprovamos a máxima que “menos é mais”…

    • Vitória, fiz este post antes da viagem chegar em Milão, pq uma amiga pediu pra eu postar. Vou deixar o jantar pra entrar na sequência, ok? Bjss querida!

  3. Só vindo aqui pra espairecer e ver coisas lindas e gostosas minha amiga, obrigada por lutar por um Brasil melhor e ainda nos brindar com tanta coisa boa. Beijão no coração!

    • Sim Zenaide, dá pra você sair e chegar a pé, isso se você não for para lugares distantes. Nós não pegamos taxi, fizemos tudo caminhando. Eu adoro não depender de carro! Bjsss

    • Ei amor, tudo bem? Olha, os posts estão seguindo o roteiro da viagem. Este do Bvlgari furou fila pq uma amiga pediu. Me liga pra contar seu roteiro pra gente “viajar” juntas! Bjss

  4. Dilu, o nosso país ta pegando fogo e a gente fica em estado de alerta, de tristeza, de decepção, de tudo de ruim. Chegar e ler seus posts faz a gente se transferir pra outro mundo. Obrigada por fazer tudo parecer mais aéreo mais feliz e mais gostoso, mesmo tando tão distante. Beijoss

    • Olá minha querida, este é um assunto sério! Fico em dúvida se posto ou não, mas fiquei a semana só com este post e várias pessoas me perguntaram o que está acontecendo… sinal que podemos lutar por um país melhor ao mesmo tempo que mostramos o que poderemos ter quando esse país melhor for nossa realidade…

    • Você vai adorar ver gente bonita, movimento, comida maravilhosa, enfim, tudo de bom! Faz sim a reserva, pede ao concierge do hotel que se hospedar para que a faça pra você. Depois conta tudo pra gente, vamos adorar saber sobre sua viagem! Bjsss

    • Maria Elizabeth querida, não é barato, mas vale cada centavo, isso, se você ama comer. Assim como eu, que vive pra comer e não, come pra viver! Rsrrssss…

  5. Diludicas meu post vai se chamar Bvlgari – Milão, em alto estilo…
    EU VOU!!!!!!!
    Tudo de bom, obrigada pela dica, meu marido amou o hotel, agora vai dando mais dicas desta região per favore!!!!!!!

  6. Diluzinha, a primeira novidade pra mim, juro, mesmo que vc não acredite, é que Bvlgari produzia jóias. Eu, na minha imensa cultura para estas coisas, achava que era perfume. Mas……….. tem sempre um mas. Um dos perfumes da marca, um que vem num frasco violeta, foi cheiro de fundo de momentos inesquecíveis na minha vida, logo, verdadeira joia. Não compro mais, que o tempo passou e tenho medo de encanto quebrado. Mas se voltar a Milão um dia, o que é até possível, porque planejo ir à Toscana, vou querer um happy hour no bar do hotel. Variações sobre o mesmo tema. Igual, mas diferente kikiki. Amém. bjks amiga chic. Te adoro.

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps