Assim é o TEGUI! Alguém me explique o porquê da fama!

Enfim me preparo para conhecer o restaurante que ocupa a 12a posição da lista das cinquenta melhores mesas da América Latina, edição 2015, e ainda, 1a da Argentina. Enquanto tentava conseguir a reserva, não quis ver, nem ouvir os “sinais”. Pena! Primeiro, tentei reservar duas vezes por e-mail, sem resposta (um sinal…). No aeroporto, indo para Buenos Aires, recebi um NÃO, mas insisti e respondi: “POR FAVOR, quero muito conhecer o TEGUI… pode ser qualquer horário… blá blá blá…”. Sem resposta (outro sinal). Logo que cheguei ao hotel, pedi ao concierge que também insistisse e, infelizmente, foi o que ele fez: conseguiu marcar meu jantar para o dia seguinte, sábado, às 22h. Depois de rodar meia Buenos Aires (outro sinal), foi difícil até pro taxista achar o restaurante. Então…

.

Assim é o TEGUI!

Alguém me explique o porquê da fama!

Por Dilu Bartolomeo Villela

.

Então, achei por bem daqueles que, assim como eu, viajam para conhecer restaurantes, fazer uma descrição deste “templo” localizado em Palermo, bairro argentino super badalado, onde o TEGUI se camufla…

.

tegui

.

A fachada do restaurante, com a parede toda pichada, esconde uma porta preta com um discreto e fraco (outro sinal) TEGUI, sem luz, sem brilho, sem glamour.

.

IMG_5374

.

A fachada, pra mim, simbólica, poderia camuflar uma “joia gastronômica”, já que joias ficam bem guardadas e escondidas. Só que não! Ali, um arrojado galpão gostaria de ser um templo da gastronomia, mas acabou virando algo para emoldurar comida sem sal a preços salgados.

.

IMG_5362

.

Assim é o TEGUI, ambiente bacanão, contemporâneo, com um pequeno e lindo (lindo porque hoje estou boazinha, na verdade: engraçadinho!) jardim de bananeiras rodeando um salão retangular que finaliza com a cozinha aberta.

.

IMG_5364

.

A adega, literalmente, expõe bons vinhos (pelo menos, os vinhos…) e confere mais beleza à decoração do ambiente.

.

Tegui_adega

.

Nem bem chegamos e nos assentamos, um dos muitos antipáticos garçons tenta servir uma coisa que, também nem bem chega, já volta, pois avisamos que tem um vegetariano à mesa.

.

IMG_5322

.

Escolhemos o vinho em meio à explicação – arrogante – que, para o vegetariano… “não estamos preparados para servir todos os pratos. O principal será um risoto, ok?”. Ok!

.

Olha que antipatia: solicitam que não tiremos fotos.

Olha que antipatia: solicitam que não tiremos fotos, pois o que “acontece no Tegui permanece no Tegui”. Só estou vendo isso agora ao montar o post. Agora entendo: em outras palavras, eles dizem: o que é ruim não deve ser fotografado.

.

O restaurante trabalha com um menu variado, mas muito pobre nas combinações, pelo que havia lido na imprensa, a intenção é surpreender os paladares mais ousados mas, pro meu conceito de ousadia… ficam só na pretensão! É muito chef pra pouco menu!

.

IMG_5314

.

Só nos foi oferecido o menu degustação de 8 passos que inclui três entradas, três pratos principais e duas sobremesas. Não vem escrito o prato que vão te servir, vem apenas os ingredientes que você vai comer.

.

IMG_5313

.

E já que não seriam capazes de oferecer todos os pratos para o Luiz, deveriam ter sugerido os outros menus de 5 e 3 passos… Sim, existem! Mas só ficamos sabendo no dia seguinte por intermédio de terceiros.

.

IMG_5313 - Versão 2

.

Vem um pão… a falta de sal já começa por TEGUI… ops… por aqui. Ao visual, muito atraente, mas completamente sem graça ao paladar.

.

IMG_5321

.

Como entrada, tubérculo com pétalas de violeta. HOOO-RRÍ-VEL!!!!!!!!

.

IMG_5328

.

Achei bonitinha a louça. Que louça que nada, era um cinzeiro de cabeça pra baixo.

.

IMG_5329

.

Favas com sopa verde e aioli… HOOO-RRÍ-VEL 2!!!!!!!!

.

IMG_5330

.

Para o Luiz vieram as favas, mas com laranja eu acho, sem a sopa horrível. Ainda bem que pouparam meu bem.

.

IMG_5331

.

A beterraba foi áspera… isso foi o que me passou na hora. Mas acho que eles esqueceram de tirar a pele da pessoa! A romã é daquelas que insistem em permanecer na boca, rendendo… rendendo…

.

IMG_5336

.

O tomate estava delicioso… ai que saudade de saladinha de tomate que, por si só, é maravilhoso. Mas este ainda tinha physalis, marmelada de tomate com orégano. Muito gostoso.

.

IMG_5338

.

Vieira é igual coentro, se você não sabe fazer, não se atreva. A da foto voltou pra cozinha apenas com uma garfada a menos, a que tenho até hoje o retrogosto guardado na memória… Agghhhh!!! Ainda por cima, sem sal… HOOO-RRÍ-VEL 3!!!!!

.

IMG_5344

.

Diz a “simpatia” do garçon que é coelho, uva, alho-poró, patê (acho que também de coelho). Ãh? Coelho sem sal? Patê sem sal? Não me lembro de ter comido algo tão HOOO-RRÍ-VELLLL 4!!! Juro por Deus, o Luiz que não me deixou colocar no guardanapo, tive de engolir.

.

IMG_5349

.

Ao invés da habitual alegria, o que tomou conta foi uma tensão em forma de expectativa: que momento vamos ter uma manifestação de carinho, atenção, cordialidade? Quem vem à mesa nos tratar minimamente bem? E a comida, quando vem alguma coisa boa, nem que seja outro tomate? O prato seguinte foi moleja, que é o timo do boi. Eu já tinha provado no Fasano Las Piedras veja aqui, – foi feito especialmente pra mim que não conhecia e demonstrei curiosidade – e adorei, mas claro, não é um ingrediente fácil, que agrada de uma maneira geral.

.

IMG_5348

.

Como tudo na vida, a gente sempre deve olhar o lado bom. Comida ruim é bom pra não engordar. Até o Cremona (pão típico argentino que acompanhava a moleja) com cara ótima (Luiz cresceu o olho, mas…), não salvou. TRAUMATIZEI geral!

.

IMG_5350

.

A corvina veio sobre um purê de batata que, ao olhar meu vizinho de mesa, pensei que fosse sopa… ele  “tomava” diretamente no copinho… Falaram que era lula essa coisa aí por cima do peixe – provei e desaprovei. Separei a lula e comi o peixe, pelo menos o purê, com o tal caldo, estava gostosinho.

.

IMG_5353

.

Gente! Eu nunca vi um risoto tão esquisito!!!! Era o prato principal do Luiz. Tadinho, já não tinha comido nada e também não comeu essa papa HOOOO-RRÍ-VELLLLLLLL 5!!!! Você acha que alguém se dignou a perguntar o que estava acontecendo? Por que os pratinhos, que já eram minúsculos, voltavam quase todos cheios?

.

IMG_5354

.

Perdiz – média, comível. Farofinha delícia. Comi ela TODA! kkkkkkk…. Também olha a quantidade que veio.

.

IMG_5358

.

Como prato principal, o cordeiro veio com polenta que me pareceu a branca, só que mal cozida, fria, sem sal e HOOOO-RRÍ-VEL 6! Tinha um milho crocante, muito interessante. E um queijo derretido muito gostoso que, ao perguntar o que era, a “simpatia” me respondeu: “um típico queijo argentino”. Curto e grosso!

.

IMG_5359

.

Sacanagem! Só duas bolas de sorvete e um pedacinho de pera? Mas nem precisava mais: ÃH??? Sorvete de feijão? Tô fora! Pior que acabei comendo… ninguém merece! Só de ter açúcar, a formiguinha ataca.

.

IMG_5366

.

Nem a apresentação eu poderia dizer que salvou o jantar – tudo feio, sem glamour, talheres enormes enfiados em pratinhos de quinta. Aliás, a placa de Petri (essa caixinha redonda de vidro que aparece na foto a seguir), onde a comida é servida, é um recipiente criado para os laboratórios utilizarem para a cultura de microorganismos. Num gosto da ideia não, e você?

.

IMG_5367

.

Oba! Por essa eu não esperava: tem sobremesa! E estava ótima! Uma telha deliciosa de chocolate cobria várias coisinhas de chocolate. Na hora, tive a impressão que eles queriam copiar a sobremesa do El Celler de Can Roca…veja aqui Para com isso Dilu, já virou implicância?!!!

.

IMG_5368

.

Dizem que o TEGUI é a pupila do chef Germán Martitegui (que tem outros restaurantes) e é onde ele aprova suas criações. Cá com meus botões… acho que o chef meio que abandonou essa função, pois não é possível que ele prova e aprova tanta coisa ruim. Suas criações precisam REpassar pelo seu crivo.

.

IMG_5369

.

O serviço, ou a falta dele, deveria fazer um estágio nos 10 e 20 melhores restaurantes do mundo. Sim, eu disse primeiro e segundo, sim, eu disse do MUNDO. Eles sim, apesar de os melhores, são despretensiosos, educados, simpáticos, cordiais, agradáveis…

.

IMG_5370

.

Eu sabia que o café é servido com um delicioso biscoito, mas não tivemos paciência nem vontade de conferir.

.

IMG_5375

.

Este é o tipo de restaurante criado pra detonar com os outros do mesmo estilo. Explico: fomos a Buenos Aires com a intenção de conhecer os incluídos na lista dos 50… e por causa dele, não tive vontade, nem ânimo (ou nem coragem?), nem tesão, nem curiosidade, nem apetite (ou nem estômago?), e muito menos, companhia (já que meu marido não repetiria a experiência) pra ir nos outros que eu tinha programado.

.

IMG_5377

.

Ah! O TEGUI cobrou pelos oito pratos e quando falei que não vieram todos do Luiz, a “simpatia” disse: “Não importa, a gente cobra assim mesmo”. E assim é o TEGUI: HOOOO-RRÍ-VEL!!!

.

IMG_5373

.

Se você, curioso (e jerico) que nem eu, ainda tiver vontade de experimentar o TEGUI, faça reserva e chegue na hora… Eles deveriam ser complacentes com atrasos tanto quanto são com a falta de sal!!!

 

Tegui: Rua Costa Rica, 5852 – Palermo – Fone: 54 11 5291-3333

aaaa

Se quiser receber um email avisando quando publicamos um novo post, por favor deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

10 comentários em “Assim é o TEGUI! Alguém me explique o porquê da fama!

  1. Nossa , que experiencia triste em Dilu! !!! Estive em BA no início do ano, quase fui a este lugar mas pra minha sorte mudei e fui pro Baqueano. Ali sim a experiência foi magnífica! Grade Abraço pra vc e pro Luiz!

    • Leandro, pelo que te conheço, e pela comida que vc faz, acho vc iria detestar. Não entendo como o Tegui pode entrar na lista, quanto mais, liderar a listar!
      Mas que bom vc por aqui meu amigo, fiquei feliz! Vc está em BH?

  2. Leandro, vc bem que podia voltar com aquele restaurante mega gostoso que tinha ali no santo antonio, são pedro, num sei. Lá era bom com força.
    Dilu, eu to indo pra BA ainda bem que eu vi o post. To fora!!!

  3. Dilu , eu não me contive . Olha aqui , eu vou pra Buenos Aires e fiquei sem saber o que fazer , tem gente que fala bem e igual vc tem gente que fala mal do restaurante Tegui . Eu estava pesquisando na internet sobre o Tegui e olha a opinião de outra blogueira que eu achei:

    Nós éramos um grupo de seis pessoas e apenas eu fiquei encantada com a experiência, os outros acharam que pagaram muito por uma refeição ruim. No final, o Daniel até brincou, indagando: “Vamos passar no McDonalds?”. Eu retruquei: “Você ainda está com fome?”. E ele respondeu: “Estou com fome de comida gostosa!”. Talvez eu seja um ponto fora da curva, mas a verdade é que, na minha opinião, aqueles que gostam de exagerados pratos feitos podem achar pouca a quantidade de comida servida. Os mais tradicionais podem estranhar os sabores e as texturas. Porém, aqueles que estiverem abertos para o novo, sem dúvida alguma, experimentarão uma das refeições mais surpreendentes de suas vidas… ainda que seja no sentido negativo…………… A refeição, com vinho e espumante, ficou $ 164 (cento e sessenta e quatro dólares) por pessoa.

    DILUUUUUUUU … caí aqui , de quatro. Que que isso gente , vc querer indicar pros seus leitores uma experiência que 5 em 6 pessoas acham ruim, ou, nem que seja pelo lado negativo e ainda pagar 164 DOLARES ???? Eu acho que a pessoa ai ficou doida . Já tomei minha decisão: TEGUI jamais vai ver meu suado dinheirinho . Que isso ???????
    Obrigada por partilhar com a gente suas experiências e tirar a gente da furada . Abraçosss !

  4. Eu acho é muito interessante um restaurante ser todo bacanão e não ter comida boa e ser considerado o bonzão. Quem que escolhe? Quem que escolhe deve achar a comida boa né Dilu?

  5. Que horror! Ainda bem que eu não fui lá. Parte da turma queria ir mas ainda bem que uns não quiseram . Tomara que quem vai pra Buenos Aires leia este post . Falou Dilu!

  6. Dilu, se eu tivesse lido seu comentário antes eu não tinha caído nesta furada. Nem vê que ninguém merece cair numa fria assim. Tudo ruim, mas os nossos pratos não eram iguais os seus não, mas tudo ruim. A gente as vezes num tem sorte né? Que que se há de fazer?

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps