GANHE UM MENU NO FESTIVAL MESA GERAIS

FINALIZADO

Ao lançar esse post e oferecer um dos menus à melhor opinião, não tinha noção da “dificuldade” que estava criando para mim mesma. Acho que apresentei uma brincadeira que tomou ares de quebra-cabeça… kkkkkk Verdade! Como escolher apenas uma, entre todas essas ótimas respostas? Seria muito melhor se fosse sorteio, pois ele mesmo se encarregaria de escolher por mim. Mas como não foi, vi que não conseguiria escolher apenas uma, por isso fiquei em primeiro lugar com a opinião da Ana Paula Gonçalves. Obrigada querida, você foi sensível ao usar os sentidos. E gente… Adorei também as opiniões de Luciana Silva Fonseca ao incentivar a “galera” e “se sentir”, Valeria A Macedo, Juliana Costa, Beth Lagos, Nilza da Cruz Silva, João W Filho e Andrea S Matos, apesar de esta última não ter dado sua opinião, mas usou de muita criatividade. São todos ganhadores! Convidaria todos, mas dentre eles, apenas Luciana Silva Fonseca, Juliana Costa, Ana Paula Gonçalves e Nilza da Cruz Silva compartilharam o post no facebook, conforme exigido. Por isso, convido as quatro a me proporcionarem suas maravilhosas companhias e termos juntas, um delicioso jantar. Juliana, dentro da sua “simplicidade”, sua ideia foi realmente excelente, mas você concorda que fica um pouco inviável? Kkkkkk

E à todos que opinaram, o meu agardecimento e a certeza que o Dilucious continuará proporcionando bons momentos, cada hora pra um de vocês.

De coração, obrigada.

.

Post

Para quem ama comer, essa é uma oportunidade de conhecer a culinária dos chefs, que hoje são considerados os melhores de Belo Horizonte. Desta vez não vou me manifestar, nem negativa, nem positivamente, pois quero ceder meu “posto de crítica gastronômica” à quem topar a brincadeira. Adoraria contar com sua preciosa participação e solicito que seja a sua, uma opinião honesta. Pode dizer se esse menu te apetece, ou não. Pode dizer se aquele outro te faz salivar, ou não. Se existiu plena capacidade criadora dos chefs, ou não. Enfim, diga porque gosta ou não. Sinta-se a vontade! O que quero, é que você me deixe saber sua opinião. Se você fizer o comentário que eu considere o melhor, vou presenteá-lo com um desses menus, e é você quem escolherá o restaurante! Basta primeiro deixar sua opinião nos comentários aqui do Dilucious. Depois clique no link GANHE UM MENU NO FESTIVAL MESA GERAIS e compartilhe. Boa sorte!

.

Captura de tela 2013-08-20 às 09.17

 

MENUS DOS RESTAURANTES 

 

Captura de tela 2013-08-20 às 09.25

Captura de tela 2013-08-20 às 09.27

Captura de tela 2013-08-20 às 09.30

 

 

.aaaa

Se quiser receber as atualizações do Dilucious, cadastre-se aqui

ser com arte

 

 

Você poderá gostar de:

46 comentários em “GANHE UM MENU NO FESTIVAL MESA GERAIS

  1. kkkkkkkkkkkk …… vc não vai dizer nadica de nada ?
    Li atentamente todos os menus e os chefs são dos mais badalados , porém , tem itens que não conheço …
    Ex: dois chefs usam Maria Godó , não sei o que é ….
    O chef Guilherme Melo , faz constar no primeiro prato , Costelinha de Catitú , kkkkkk , nem imagino o que seja !
    Apesar dessas observações , dois menus me deixaram com àgua na boca .
    Vou citar os dois , no final sei que tem que escolher apenas um , né ?
    O menu do chef Leandro Pimenta do The L.A.B e o do chef Guilherme Melo do Hermengarda !
    Entre os dois , escolho o The L.A.B !
    Mas , Diluzinha , se vc der alguma ”pista” , rsrsrsrs , só pra mim , vai , posso até mudar minha escolha !
    kkkkkkkkkkk ……. já sei que não tenho chances , mas , adoro participar !
    Beijos ….

  2. Eu achei o menu do Hermengada mais apetitoso. Como eu não conheço o restaurante, vou ter muito prazer em conhecer.
    Agora: “Se eu ganhar, faço um post pro Dilucious com todos os meus achamentos. Quer encarar?”

  3. Bom, gosto muito de “fuçar” tudo que vejo sobre todos estes chefs…. o meu favorito é o do Guilherme Melo, mas acho que cada um tem a sua particularidade…. se eu fosse montar meu cardápio baseado nos menus apresentados por todos estes chefs que amo, respeito e admiro seria assim: A entrada do Guilherme Melo, surubim marinado no limão capeta, o primeiro prato do Leandro Pimenta, que seria o nhoque de semolina com creme de queijo canastra e lascas de trufa, o prato principal seria o leitão desossado do Guilherme e de sobremesa ou o suflê de goiaba, tb do Guilherme, ou o pudim de doce de leite da Marise Rache…. to metida demaisssssss avaliando menu de Chefs consagrados!!!!!!!! rsrsrsrsrsrs….. Galera, vamos valorizar a culinária da nossa terra!!!!!!! Bjos!!!!!!! Lu

  4. Não entendi bem a chamada desse post, mas achei que pode se transformar em algo interessante. Depois do meu trabalho, a função que mais gosto e dedico é viajar, sair pra comer e pensar no que comi. Aqui vou fazer o inverso. Por isso, gostei da “brincadeira”.

    O menu de Guilherme Melo me pareceu o mais interessante, mas não curto carne de porco no jantar, quanto mais duas. A sobremesa está um tanto quanto idosa para ficar aparecendo dessa maneira.

    O menu do Ivo Faria me pareceu o mais rico, porém, não gostei do molho Pira-poré… ou melhor, de que será que ele é feito? E a sobremesa? Parece que saiu do fundo daquelas geladeiras caseiras que não tem mais nada pra oferecer. Tipo “raspar o tacho e fechar as portas”

    O menu do Leonardo Paixão… Cadê a criatividade do rapaz minha gente? Lá no restaurante dele tem essas coisas, tudo MARAVILHOSO, mas… Quem sabe algo inovador para essa mesa gerais? E a sobremesa… Nemmmm

    O menu do Leandro está me parecendo muito dos bão! Mas muita trufa pra nossa rocinha, ne nao gente? A sobremesa também vale a visita! É a única diferenciada.

    O menu do italiano que faz sucesso na terrinha só experimentando pra avaliar. Mas não seria ele o meu escolhido se o Dilucious me presenteasse.

    O menu da Marise Rache pode ser gostoso pra burro (a comida no Dartagnan é sempre boa), mas faltou criatividade. Li o menu do festival que o Dilucious fez no restaurante. Aquilo sim, é arrasar! Claro que não seriam aqueles ingredientes, mas porque não pedir umas sugestões?

    Falei!

  5. Boa noite,
    Para falar sinceramente achei todos os menus de medianos pra baixo. Claro que gostaria de ganhar, mas se fosse pra eu pagar, eu não iria em nenhum. Estou dizendo isso pq a brincadeira pede honestidade, estou sendo honesta.
    Um abraço,
    Noele

  6. Pelo que eu entendi, a proposta deste evento é valorizar os nossos ingredientes nacionais, sendo mais específica, a comida mineira! Analisando os cardápios, a minha crítica está no uso de palavras ou termos que não são usuais na nossa língua brasileira. Há vários itens dos quais não fazemos a menor idéia do que seja, isso acaba dificultando no apetecimento do prato! A minha professora de culinária sempre alerta aos alunos de gastronomia que não podem elaborar um cardápio com descrições diferentes ou muito elaboradas para que os clientes não tenham decepção ao receber o prato na mesa e vir totalmente diferente do que imaginou. Isso já aconteceu comigo quando pedi uma sobremesa no Vecchio Sogno. A sobremesa estava boa, mas esperava outra coisa! Por isso sugiro que os Chefs procurem fazer uma descrição dos direta e simples dos pratos, de forma que evite que nós tenhamos dúvidas sobre o que comemos.

    O Vecchio Sogno pode ser hours concours no quesito de gastronomia estrelada, mas infelizmente os pratos não me apeteceram por terem descrição complicada. Eu gosto da sensação de esperar por um prato que me desejou e que consigo imaginar o sabor, mas não sinto emoção quando leio o cardápio dele.

    Eu tenho paixão por sobremesas com ingredientes simples e que casam muito bem como goiabada com queijo, em especial o Souflé descrito no cardápio de Hermengarda! Fiquei muito curiosa com a combinação dos ingredientes da sobremesa do Glouton, não poderia ser mais mineira!

    Alguns pratos eu achei italiano demais como ravioli e nhoque do L.A.B. e D’Artagnan! Não devemos esquecer de que a proposta deste evento é a comida mineira!

    Eu acho que não que seja criatividade elaborar pratos completamente diferentes do que já vimos. Para mim a criatividade está em saber como combinar o sabores, mesmo que sejam simples, desde que mexa com a nossa imaginação e o paladar! Destaco a Carne da lata com molho de jabuticaba e purê de batata baroa, me abriu tanto o apetite! Outro prato que me chamou a atenção foi a polenta de canjiquinha com costelinha!

    Os cardápios com mais cara de Minas Gerais, na minha opinião, são do Hermengarda e Glouton! Escolheria um destes dois!

  7. Não entendo de cozinha, mas tenho enorme prazer em comer. Para ser sincera, conhecia cinco sentidos: o paladar, o tato, a audição, a visão e o olfato. Com esse desafio dos menus, conheci mais um sentido inesperado: a imaginação. Todos me deram água na boca, mas o que eu gostaria de comparar com a minha imaginação é o do chef Ivo Faria. Será que ele vai superar a minha imaginação?

  8. O que acontece no Brasil é que a comida, como todo o resto, ficou muito cara. Ai eles fazem essas “promoções” tentando fidelizar mais clientes. Imagina, vocês acham R$77,00 um preço razoável? Eu não acho. Em Paris (PARIS) vc encontra em toda esquina as Formules por 12 EU, 15, 20, 40, claro tem de todo preço. Mas que se compare a esses menus desses restaurantes ai, seriam os mais em conta. Só vou mesmo, se ganhar, fora isso…

  9. Dilu, eu gostaria de experimentar todos e depois fazer uma materia de cada um deles. Que tal o blog Dilucious bancar essa jornada jornalística? O nome seria: Pra adorar, pirar e engordar kakakakaka Bjinho bjinho

  10. Vale ressaltar e aplaudir a iniciativa de valorizar e difundir em conjunto ingredientes tipicamente mineiros. A maioria de nós desconhece e até menospreza o que temos. Na minha opinião,alguns pecaram pela falta de criatividade. Confesso que o meu menu ideal combinaria entrada de um,prato de outros,sobremesa de vários. Pondo tudo na balança,os que me instigaram o paladar de antemão foram o Glouton e o The Lab. Fico com o The Lab,que ainda não tive o prazer de conhecer.

  11. E u gostaria de ganhar o menu do THE L.A.B., achei que mesmo não sendo muito mineiro, parece super gostoso.
    Mesmo se não ganhar, vou lá experimentar!
    Até rimou!

  12. A ideia surgiu da valorização e difusão dos ingredientes regionais mineiros? Desculpa, mas cupuaçu não é mineiro, nem tapioca, nem azeitona portuguesa (o proprio nome já diz sua origem), nem fonduta (imagina, fonduta! dá é vontade de rir…), nem semolina, trufa (como assim?????), cotechino… Que isso? Esses chefs enlouqueceram? Se propõem a fazer algo e saem quase que completamente da proposta. Afinal, quem não deveria, mas ficou mais por dentro do assunto, foi o italiano, que tirando o infeliz nome cotechino, pelo menos se conteve em nossos ingredientes, apesar de não dar pra saber o que é cotechino mineiro, imagina-se um tipo de embutido.
    Quer saber? Acho que você deveria falar com eles pra serem fieis a gastronomia mineira, já que a ideia era essa.

  13. Dilu, depois de ler todos esses comentários, quero te propor um desafio. Gostaria de ver um menu que vc faria dentro dessa proposta de usar ingredientes mineiros fazendo o que eles chamam de alta gastronomia.
    Vc seria capaz?
    Ta feito o desafio!
    Beijinho carinhoso de sua fã

  14. Achei legal criarem festival Mesa Gerais. Foi uma forma de tirarem os renomeados restaurantes e seus chefs do Restaurante Week, que já ta bem popular. Os Menus estão OK.
    O D’artagnan me chamou a atenção pelos “Canapés de queijo canastra ao mel aromatizado de tangerina e brotos de rúcula.” A Maria Gondó nas mãos do Ivo fica divina ainda mais com sua massa fresca. Fico também com o filet em baixa temperatura do Ivo. A sobremesa, conhecendo as mãos do Luciano(VS), está também muito saborosa, mas fico com a broinha de fubá com sorvete de queijo canastra e calda de doce de leite.

  15. Ah se o velho DARTAGNAN, aquele que queria ver o VECCHIO SOGNO de todos se realizarem, visse como a vovó HERMENGARDA soube montar um belo de um THE LAB, ele OSTERIA virado GLOUTON!

  16. A proposta para homenagear a culinária mineira é muito interessante, porém concordo com um
    comentário sobre a elaboração do cardápio, no que diz respeito a descrição dos pratos apresentados.
    Alguns nomes como cotechino, ravióli e outros não dizem respeito a nomenclatura mineira e alguns outros
    como Maria Godo deixa uma duvida da composição do prato.
    Quanto a escolha eu voto no Glouton e no The Lab.
    Um grande abraço

  17. Concordo com vários comentários anteriores. Se pudesse, colocaria entrada de um, prato principal de outro e sobremesa de outro.
    Além do mais, vários ingredientes são desconhecidos da maioria e fogem da “culinária mineira”.Mas como tenho que escolher um, fico com o D”Artagnan.

  18. Bem vamos l’a, na minha opinião devido a proposta da promoção, o menu da Chef Marise Rache tem tudo a ver com o evento! Primeiramente todos os ingredientes tem todo o meu apoio em serem notadamente mineiros e o prato principal totalmente leve para um jantar (peito de frango recheado com farofa de ora pr’o-nobis), Arroz com requeijão cai como uma luva a titulo de acompanhamento do prato. As sobremesas hmmmmmm….. muito para o lado da originalidade! Parabéns e sucesso com o evento.

  19. Eu concordo com alguns comentários, mas principalmente que os chefs deveriam ter se enfronhado com mais amor na culinária mineira. Beijos!

  20. Não posso dar uma opinião, porque não entendo muito, mas gostaria de ganhar o menu do The Lab. Mesmo sabendo que trufas não fazem parte dos ingredientes brasileiros.

  21. Eu estou formando em Tecnologia de Gastronomia e se analiso esses menus, vejo certas incoerências, mas… Vejo que pra fazer uma coisa mais bacana, é preciso viajar usando outros ingredientes mesmo. Eu quero ganhar um jantar no Dartagnan. Um abraço

  22. Qualquer um eu quero experimentar.
    Em cada um tem uma coisinha gostosa que eu ficaria muito feliz de poder comer.
    Mas como isso não é possivel…
    Fico com o do Hermengarda

  23. Será que eles não ficam muito cansados e aí se perdem um pouco, fazendo da maneira mais simples? Eu acho é que eles deveriam tentar surpreender. Não dizem por ai, que a alta gastronomia é aquela que é “mágica”? Não vejo nehuma magia nesses menus. Vejo uma “mesmice” sem me dá aquela vontade de fazer economia para gastar uma grana porque tenho certeza que vou sair do restaurante dizendo que valeu cada centavo. Nesses menus aí só se eu ganhar mesmo, pq o meu suado dinheirinho…

  24. Querida Dilú, frente a tantas tentações e por consequência, uma indecisão sem fim, tenho um plano!!!
    A semana tem sete dias, são seis restaurantes. Vamos em um por dia e paramos no dia do descanso, domingo…
    Topas???
    Agora, se tivesse com uma faca no meu pescoço, escolheria dentre os menus acima, o do Vecchio Sogno… Logo em seguida, o do Glouton.
    Beijos!!!
    Obs.: na hipótese do meu plano ser aceito por V.Sa., deixo a seu critério a ordem de preferência… Simplezinha eu, né???
    Esse DILUCIOUS tá um espetáculo!!!

  25. Ai que dúvida cruel! Cruel pq não sei qual deles, cruel pq conheço alguns dos chefs e é chato escolher, cruel pq vai me engordar, cruel pq queria todos!

  26. Olha… eu tb achei que faltou um pouco de criatividade. São todos chefs estrelados e super conhecidos, mas acho que eles podiam ter dedicado mais TUTANO no momento da criação. Um abraço carinhoso e espero ter respondido certinho, pois mesmo sem criatividade eu quero ganhar.

  27. Eu quero ganhar o menu que deve estar “dilucious” do Glouton, ainda mais que ele ganhou chef revelação, deve ser tudo de bom!

  28. Gente… qual escolher? Qual querer? Qual vai me alegrar? Qual será o melhor? Qual confiar? Ah… não quero nem saber! Qualquer um será bacana se eu escolher para o dia o meu melhor humor! E é assim que vou, pronta para ser feliz!

  29. Minha namorada respondeu que prefere ser feliz do que pensar em qual ingrediente escolher. Estou sempre do lado dela, por causa disso, escolho ir com ela se ela ganhar, e escolho ela ir comigo, se eu ganhar. Ta bom? Ganhei?

  30. Ao lançar esse post e oferecer um dos menus à melhor opinião, não tinha noção da “dificuldade” que estava criando para mim mesma. Acho que apresentei uma brincadeira que tomou ares de quebra-cabeça… kkkkkk Verdade! Como escolher apenas uma, entre todas essas ótimas respostas? Seria muito melhor se fosse sorteio, pois ele mesmo se encarregaria de escolher por mim. Mas como não foi, vi que não conseguiria escolher apenas uma, por isso fiquei em primeiro lugar com a opinião da Ana Paula Gonçalves. Obrigada querida, você foi sensível ao usar os sentidos. E gente… Adorei também as opiniões de Luciana Silva Fonseca ao incentivar a “galera” e “se sentir”, Valeria A Macedo, Juliana Costa, Beth Lagos, Nilza da Cruz Silva, João W Filho e Andrea S Matos, apesar de esta última não ter dado sua opinião, mas usou de muita criatividade. São todos ganhadores! Convidaria todos, mas dentre eles, apenas Luciana Silva Fonseca, Juliana Costa, Ana Paula Gonçalves e Nilza da Cruz Silva compartilharam o post no facebook, conforme exigido. Por isso, convido as quatro a me proporcionarem suas maravilhosas companhias e termos juntas, um delicioso jantar. Juliana, dentro da sua “simplicidade”, sua ideia foi realmente excelente, mas você concorda que fica um pouco inviável? Kkkkkk E à todos que opinaram, o meu agardecimento e a certeza que o Dilucious continuará proporcionando bons momentos, cada hora pra um de vocês. De coração, obrigada.

    • Querida e muito amada Dilu !
      Antes tarde do que nunca , falo isso , pois só agora venho aqui para agradecer-lhe , à Luciana e ao
      Leandro Pimenta do The L A B !
      O jantar estava divino , estava mesmo Dilucious , o ambiente que vc criou , nos proporcionou muito
      bem estar , ficamos , a Lu e eu , totalmente à vontade .
      Obrigada querida , vc foi uma bela , rsrsrsrs , bela de bonita , e perfeita anfitriã !
      Que papo gostoso , através das experiencias de cada um , pudemos trocar informações que só nos acrescentam ….
      Ao Chef Leandro Pimenta meus cumprimentos pela hospitalidade…. Muito aconchegante o ambiente e o menu estava delicioso ! Adorei toda a criatividade que resultou em sabores surpreendentes !
      Com Luciana Fonseca, o prazer de sua companhia foi renovado, visto que o convivo com ela desde que minhas filhas e ela , eram adolescentes !
      Deixo meu abraço de carinho a todos vcs !!!

      • Realmente foi uma noite muito bacana no The Lab! Obrigado Dilú, Nilza e Luciana por fazerem deste encontro um momento tão especial. Foi um prazer poder mostrar um pouco do trabalho que fazemos e compartilhar experiencias tão enriquecedoras. Obrigado por virem e já estou aguardando uma próxima. Grande bj e até!

  31. Ah minha querida Nilza, vc é demais! Realmente foi tão gostoso nosso jantar, que a mim, parecia que nos conhecíamos a muito tempo e a gente já havia saído juntas inúmeras vezes kkkkkkkkk Vc sabe que so agora, lendo seu comentário, eu pude perceber isso? Como a vida nos uniu dessa maneira, menina? A prova de que existem anjos por aí….

  32. Meninas, vcs não teem noção de como foi agradável e importante o nosso encontro para mim… Antes de chegar no The L A B confesso que estava bastante tensa… Afinal de contas ia conhecer a Dilu, pessoa que admiro demaissssss!!!!! Quando cheguei fiquei conversando com o Leandro que foi um anfitrião maravilhoso, logo depois D. Nilza e Dilu chegam e começamos a conversar, beber e comer aquela comida maravilhosa que nos foi oferecida um ambiente maravilhoso e um bate papo que fluiu com a maior naturalidade…. Senti que conhecia todo mundo ha anos…. Gente, foi muito melhor do que eu imaginava…. Cheguei em casa renovada e feliz….. Foi “bão dimais da conta”!!!!!! Obrigada Dilu, D Nilza e Leandro!!!!! Bjão no coração de cada um de vcs!!!!!!! Lu.

  33. Leandro meu querido e chef nota 1000! Deixei pra Luciana e Nilza, que sabem escrever como ninguém, fazerem o post do restaurante, mas to vendo que euzinha aqui quem vai fazer o post. Me aguarde! Bjs

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps