QUEM COMEU, COMEU! QUEM NÃO COMEU, NÃO COME MAIS! UUUUUHHHH!!!!

Fotos: Priscila Bartolomeu Fotografias

Fotos: Priscila Bartolomeu Fotografias

nós temos um sonho_Fotor_Collage

Naquele dia, saí de casa com muita vontade de comer um chuchuzinho recheado com carne de lombo moída, que leva ingredientes como coentro e tomate. No caminho, fiquei estudando a receita e me lembrei que para finalizá-lo, é preciso de uma inocente cama de molho de tomate. É uma verdadeira delícia! Delícia, mas muito SALGADO!… Ué! Como pode ser bom, se é salgado?

Quando cheguei na mercearia, vi que era melhor ter ficado em casa. Levei o primeiro e grande suto. Vi o chuchu custando 5,80 e o tomate… 13,90. Como assim? Chuchu não é comida de pobre? Aquele que dá na cerca? Pois bem… Quem comeu, comeu! Quem não comeu, não come mais! Minha cabeça lembrou deste ditado, mas meu estômago vaiou esse pensamento. Com certeza,  não era a única, pois como eu, já aconteciam vaias caladas nos pensamentos, nos estômagos e nas bocas de uma multidão. Sim… em milhões de bocas estavam sendo geradas muitas vaias.

E quando as vaias chegaram, alguém mencionou a palavra respeito. Não… Ninguém poderia dizer isso nesse corrupto Brasil do mensalão, petrolão e das “bolsas embolsa voto”. Seria muito atrevimento citar a palavra respeito nesse país de total desrespeito ao povo, à segurança, aos hospitais, às estradas, ao transporte público…  Ops! Alguém também aludiu à educação? Impossível! Não apontariam algo que o governo não dá o menor valor e consequentemente, não existe nesse país. Eles poderiam ter citado a palavra bolsa. Sim… Bolsa vaia. Quem não vaiar, ganha um salário!

UUUUUUUUHHHHHHHHHHHH!!!!!!! Esse uhh vem de um povo enrustido, que não queria ver o óbvio, mas acordou… ou ressuscitou? Tomara que esse uhh tenha sido para esse humilhado povo, um grito de socorro. Tomara que esse uhh tenha sido para esse dissimulado governo, um grito de alerta…

Ah sim! Quem sabe dias melhores virão? Na esperança desses dias, vai uma receita mais elaborada do chuchu, porque agora… chuchu é comida de rico.

.

Chuchu recheado. Delicioso!

Chuchu recheado. Delicioso!

.

CHUCHU RECHEADO COM LOMBO E QUEIJO BRÜLÉE

Ingredientes

4 chuchus pequenos

Sal e pimenta do reino moída na hora

Ingredientes para o recheio

400g lombo moído

Sal e pimenta do reino a gosto

½  cebola picadinha

1 dente de alho picadinho

1 pimenta dedo de moça picadinha sem semente

½  pimentão amarelo picadinho

1 tomate picadinho sem semente

15 g de mostarda

15 g de molho inglês

15 ml de shoyo

15 ml de molho de ostra (opcional)

Noz moscada a gosto

Gengibre ralado a gosto

1 pitada de açúcar mascavo

Salsinha, cebolinha e tomilho a gosto (bem picadinhos)

Coentro a gosto – para quem não gosta, experimenta colocar só um pouquinho. Eu garanto que essas pessoas vão me retornar dizendo que aprenderam gostar de coentro)

15 ml de azeite

40 ml de vinho branco seco

100 ml de creme de leite fresco

Ingredientes para Finalização

8 Rodelas de queijo Minas Padrão ou Canastra meia cura

400 ml de molho de tomate

Preparo

  • Parta os chuchus descascados ao meio, corte um pouco da barriga dele, retira a polpa com a ajuda de um boleador e retire as pontinhas para que eles fiquem mais arredondados. Tempere com sal e pimenta do reino. Eu gosto de cozinha-los  no vapor, mas se quiser, cozinhe-os na água. Deixe-os al dente.
  • Enquanto isso, tempere o lombo moído com sal e pimenta. Misture o resto dos ingredientes. Refogue no azeite. Depois de uns 10 minutos, sempre misturando, coloque o vinho branco e  deixe evaporar. Coloque o creme de leite, misture bem até encorpar. Retifique o tempero.
  • Recheie a cavidade dos chuchus com carne moída.
  • Forre o fundo do tabuleiro com um pouco de caldo (ou água) e coloque os chuchus. Leve ao forno por uns 20 minutos.
  • Retire do forno e coloque uma rodela de queijo sobre cada chuchu. Maçarique o queijo e sirva sobre uma cama de molho de tomate.
  • Sirva com arroz branco misturado com praliné de amêndoas…

O chuchu da foto foi empanado, mas achei completamente desnecessário. Ele já é suficiente e naturalmente delicioso!

BAIXAR RECEITA

aaaa

.

Se quiser receber todas as atualizações por email cadastre-se no http://dilucious.com.br/?page_id=2766

.

ser com arte

 

Você poderá gostar de:

16 comentários em “QUEM COMEU, COMEU! QUEM NÃO COMEU, NÃO COME MAIS! UUUUUHHHH!!!!

    • Amiga amada do meu coração, Valerie! Que surpresa mara! Vc aqui!
      Amore, armaram o circo e a pipoca ficou inviável…
      Falar em circo… qdo será?

  1. Muito bom seu texto!!!Resume bem o que estamos vivendo;infelizmente.
    Mas não poderia deixar de comentar a inédita receita do chuchu…devidamente impressa e guardada na Pasta Dilucious.
    O que que é este recheio!!!Claro que vou fazer.Adorei!
    Bjos

    • Depois te falo em qtos pratos uso esse recheio que é delicia
      Junia fia, vc não gostou da poesia? Pode reescrever, eu não importo.
      Bjs

  2. Dilú amiga, a receita do xuxú parece mesmo delícia. Quanto ao contexto em que a colocou, ficou interessante, como tudo que escreve, embora eu não concorde. Não gosto de política partidária e acho tudo uma grande farsa, enquanto as regras do jogo, ou seja, as leis eleitorais nào mudarem. Mas não vamos brigar por causa disto. A vaia acabou me valendo esta receita deliciosa. bjs e boa semana pra ti. Não esquece de por aqui as receitas do EM, que como disse, não leio. Depois vou te mostrar meu caderno de receitas especiais e as suas estão todas coladas lá. Vou ver se nas ferias consigo fazer alguma.

  3. Diluzinha, adorei seu susto com o preço do chuchu, pois há muito tempo arrepio os cabelos com o que eu sempre escutei, desde criança: “… dá igual chuchu na cerca”, ou seja, exatamente pra falar de algo que de tão comum, de tão farto, é baratinho … prá não falar da banana “…a preço de banana”! SOCORRO! banana é outra coisa que pesa no sacolão!
    enfim, vc foi precisa, como sempre!
    Tenho muito orgulho de vc!

    • Ah amiga, que bom que vc diga isso. Tenho me sentido pra baixo, sem vontade (e inspiração) para escrever, pois ate esse texto, o que tenho feito é aproveitar o lado bom da vida e colocar no papel amenidades boas de serem lidas. Quem comeu, comeu… foi escrito um dia antes do Brasil virar o que virou. Ate eu quando o releio, sinto que foi bem escrito. Mas depois dele… só a tristeza de ver esse gigante das riquezas, esse gigante abençoado por Deus sendo tão maltratado e trapaceado… Não… Ele, o Brasil, e os brasileiros não podem mesmo mais suportar…

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps