Mônaco . Siga seu coração… ops… siga os sinais e seja feliz!

Há algo de inegavelmente atraente nesta cidade. Talvez seja sua ultra romântica localização na Riviera Francesa, talvez pelas badaladíssimas corridas Grand Prix de Fórmula 1, talvez pelos torneios de Tenis Masters Series, talvez a prática de esportes náuticos, das mais clássicas às mais divertidas, talvez pelo seu Aquário e Museu Oceanográfico – um dos centros oceanográficos mais conceituados do mundo, talvez o deslumbrante mar brilhando aos pés do rochedo do Principado, talvez, sob o sol da Côte d’Azur, entregar-se aos prazeres do mar nos chiquérrimos iates vindo e indo para aquela imensidão azul do Mediterrâneo, talvez pelo fato de a simples menção do seu nome evocar o glamour e a elegância do Velho Mundo ou… Quiçá, seria a combinação de tudo isso?

. 

MÔNACO

Por Dilu Bartolomeo Villela

.

Falando em Mediterrâneo, nada melhor que viajar “au bord” dele… Rsrsrsss… Au bord? Que vem a ser isso?

MONACO 1

Deixa eu explicar o que acontece quando, viajando de carro, você é livre para se conduzir do jeito que bem entender. Saindo de Saint-Tropez em direção a Mônaco, mais perto de Nice, de repente começam a aparecer placas com as seguintes inscrições: AU BORD DE LA MER. São “sinais” que te direcionam a viajar a beira-mar.

MONACO 0

Sim, aconselho a pegar a tal estrada e curtir toda a beleza que a região propicia e pensando bem, tem algo ainda melhor: viajar “au bord de la” Mediterrâneo na companhia de um belo pôr do sol… Olha isso!

MONACO 3
Siga seu coração… ops… siga os sinais e seja feliz!

MONACO 2

Para completar, a estrada que já é linda, ainda nos oferece esculturas… Onde? AU BORD DE LA MER…

MONACO 4

E de repente, Deus nos envia uma luz brilhante… Uma lua linda apareceu para nos anunciar o que estava por vir…

MONACO lua

“Onde estamos?” Foi esse meu primeiro pensamento assim que o carro virou e demos de cara com essa imagem na escuridão.

MONACO 6

E na sequência, mais essa imagem. Eram joias da Bulgari sendo reproduzidas num imenso telão. Com tamanha lindeza, cheguei a me sentir um pouco zonza, tal qual nos sentimos às vezes, ao acordarmos em um lugar novo.

MONACO 7

Demorou alguns segundos para que meus olhos se ajustassem àquela realidade.

Hotel de Paris

Após o estonteante sobressalto, me recuperei do susto e continuei a contemplar o que aquele dia ainda podia nos oferecer…

MONACO 15

Além daquela lua que vinha nos acompanhando desde que nasceu.

MONACO 16

Lá no inicio, questionei o que de inegavelmente atraente existe em Mônaco.

MONACO

Esqueci de mencionar que, talvez um dos motivos, sejam os hotéis fazerem questão de manter o magnetismo, alimentando a glória e renome da cidade.

MONACO 17

Meu olhar começou a ficar completamente ocupado por contornos tão conhecidos nessa época do ano.

MONACO 13

Mônaco é uma cidade maravilhosa para comemorar qualquer coisa! Então, imagina o Natal e o Ano Novo.

MONACO 13 a

Eu disse antes que demorou alguns segundos para que meus olhos se ajustassem àquela realidade…

Monaco arvore

Bem, nesse momento, já ultrapassei as barreiras da nossa realidade, e agora estou descobrindo um mundo novo.

Monaco eu

Mônaco nasceu no século 19, mas só cresceu e virou uma bela adulta no século 20, quando os trens a tornaram acessível aos ricos e famosos, transformando-a num verdadeiro “playground” dos poderosos da Europa. E os nem tanto… assim como nós… rsrssss

Monaco maquina

Nem quis conhecer onde dormiríamos nos próximos 4 dias. Entregamos nossa bagagem para que a levassem para os nossos “aposentos” (menos minha câmera, companheira inseparável…), e resolvemos ficar por ali mesmo. Sabe qual foi o motivo? Num relance, vi um pastelzinho na mesa de alguém, e claro, enlouqueci!

Monaco pastel

Dos pasteizinhos, passamos para fritas, azeitonas, queijinhos… E nós dois numa alegria de crianças num parque de diversão! kkkkkkk…. Isso sim!!! Num hotel dessa categoria e a gente feliz da vida comendo as melhores “iguarias” do mundo, ah Dilucious!

Monaco batata

Que voulez-vous aujourd’hui?”- Um simpaticíssimo garçom colocando aquelas delícias na nossa frente, perguntou-nos o que queríamos para aquele dia…

Monaco garçom

Enquanto eu pensava – queremos apenas pastéis para sermos felizes – ouvi Luiz respondendo: “Aujourd’hui, je voudrais une bouteille de Champagne avec…

Monaco champagne

Sempre temos o controle sobre onde passar o tempo ou uma data especial. Hoje quebramos as regras e nos deixamos levar, que venha o inesperado! Ué… de repente, ele, o inesperado, chegou!

Monaco champagne 2

Isso mesmo! Nada de lugar comum! Uma data como essa exige uma mudança na rotina!

Monaco taça

…”Aujourd’hui, je voudrais une bouteille de Champagne avec… CAVIAR” Hoje, nós vamos de Caviar… Sim, já que é pra sair do lugar comum, queremos o que demanda a ocasião.

Monaco caviar

Monaco caviar aberto

As ovas vieram com o que consideramos os melhores acompanhamentos: blinis, gema, clara, cebola batitinha, cebolinha e creme fresco (se quiserem, dou a receita).

Monaco blinis

Monaco blinis c caviar

Este é um exemplo de um luxo. Nesse momento aconteceu um caso engraçado. Olhei para o Luiz, que estava numa poltrona igual a da câmera, só que ele estava assentado super relaxado, quase deitado e com as pernas também relaxadas. Assustei, pois aquilo combina mais comigo, não com ele, sempre tão certinho.

– Que isso amor? – perguntei.

– Isso é posição de gente rica, olha esse senhor na poltrona aqui do meu lado. Gente rica deve ser assim: relaxado!

– Siga seu coração… ops… siga os sinais e seja feliz!  kkkkkkk…

Rimos muito, saímos dali e seguimos em direção ao último andar do hotel. E essa foi a vista que tivemos, penúltima surpresa daquele dia abençoado. São os telhados do Casino de Mônaco. Uma verdadeira maravilha! Obrigada Deus!

MONACO telhado

MONACO telhado 2

No próximo post MÔNACO É SEXY?, conto mais sobre o Hotel de Paris e Mônaco.

Siga seu coração… ops… siga os sinais e seja feliz!

.

aaaa

Se quiser receber um email avisando quando publicamos um novo post, por favor deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

25 comentários em “Mônaco . Siga seu coração… ops… siga os sinais e seja feliz!

    • kkkkkk foi muito engraçado o Luiz todo sentadão lá. e depois, ele solta a pérola!
      Vou fazer o resto sim, Monaco é muito bacana, talvez até pela aura que envolve a cidade. Bjs

    • Bernadete, vou passar a receita. Eu adoro fazer blinis, de tudo quanto é jeito.
      Sim, programe-se para fazer uma viagem pela Provence e acabar em Monaco. É uma viagem maravilhosa!

  1. DILUCIOUS
    Aqui se encontra o CHIC
    Aqui se encontra o SIMPLES
    Aqui se encontra o CARINHO
    Aqui se encontra o AGRADECIMENTO
    Aqui se encontra o AMOR
    AQUI SE ENCONTRA DILU EM TODAS AS (BOAS) FORMAS
    Grata amiga!

  2. Dilu, tudo na vida tem de ser assim. É que a gente tem de aprender a prestar atenção nos sinais, normalmente a gente deixa eles passarem despercebidos. É sempre bom dá uma sacudida pra gente lembrar de observar a vida.

    • É verdade Fabiana. A falta de tempo, os afazeres, a correria, ou mesmo a displicência com que tratamos o passar do dia, ou dos dias, são esses os motivos que nos fazem perder muitas coisas maravilhosas. Infelizmente!
      Então, que façamos de 2015, o ano também das “sacudidas”. Adorei! Bjs

  3. Eu quero muito seguir meu coração e comprar uma passagem pra França. E os meus passos vão direto me levar pra Monaco. hehehehe

  4. Fada, só tenho que te agradecer, você me faz viajar nos lugares que descreve nos seus posts! Em Mônaco me senti a própria princesa tomando champanhe e comendo caviar! E ao mesmo tempo diante de tanta sofisticação vejo os meus amigos queridos, que são simples e com os mesmos valores que os meus! Obrigada por me levar na viagem de vocês dentro da minha imaginação! Beijos

    • Amiga, li seu comentário lá no face e fiquei emocionada, imaginei que fosse pq tb hoje é um dia especial. Um pouco mais cedo fui a missa de sétimo dia do marido de uma amiga muito querida, e lá me emocionei com as palavras dela para o amor de uma vida. Bem… voltando ao seu comentário… Pensei: Acho que ela está se confundindo, não é bem assim… Vim aqui reler meu próprio post e te confesso: tão lindo, talvez ate eu esteja assim emocionada, pelo mesmo motivo anterior. Pela dor da minha amiga, e eu tão feliz, tão infantil, tão bobinha… mas com o amor da minha vida ao meu lado. Affff! Me perdi, mas acho que vc me entende. Bjs

  5. Dilu, nossa senhora que post bacana que legal seu jeito de contar sua experiência num dos lugares com certeza mais chiques do mundo. Mas aqui, o que é cebola batatinha?

  6. Nanda, vim ler o meu próprio post por causa dessa minha amiga ai de cima, a Ana Paula, e vi seu comentário. A falha não é minha, juro! É a droga desse corretor que acha que pode intrometer, participar e “dizer” o que ele quer… kkkkkkkkk Eu disse: cebola batitinha e ele corrigiu: cebola batatinha… Pode?

  7. Dilu
    O q seria de Mônaco sem o up grade do seu relato !? E o que dizer da sua extraordinária capacidade de relatar situações onde o luxo impera , sem afetação, tornando tudo aquilo uma partilha genuína com todos que te lemos e , esteja certa, viajamos com vc!
    Bjs
    Rita

    • Pena que hoje já não dá mais pra gente sentir o gosto dessa iguaria que ficou proibitiva pra nós, simples mortais, né Marisa? Amore, mas a gente pode quebrar o galho com uma imitação, ne? kkkkkk Olha isso http://dilucious.com.br/?p=24176
      Bjs minha querida e um feliz 2016 pra vc e essa sua família linda!

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps