THOUMIEUX

Pegando uma carona nas PITADAS da Stella, nas quais ela citou esse restaurante nas duas últimas, uma falando dos churros, e a outra dando dicas em Paris, me deu vontade de postar minha experiência lá. Considero um dos que não podemos deixar de conhecer.

.

THOUMIEUX em Paris

Dilu Bartolomeo Villela

.

É um restaurante instalado dentro de um hotel com o mesmo nome.

.

Hotel e Restaurante Thoumieux

Hotel e Restaurante Thoumieux

.

Thoumieux, inaugurado em 1923, por Thoumieux Marciais tinha a decoração estilo anos 30, escura e carregada. Depois de reformado, recebeu encanto e leveza com diversos e enormes espelhos  com detalhes dourados, sofás de veludo vermelho, abajures bem verdes e luminárias… Art Deco. Lindo!

.

lustre toumieux

Brasserie Thoumieux Mistura de objetos antigos e elementos de design contemporâneo

Brasserie Thoumieux – Mistura de objetos antigos e elementos de design contemporâneo

Lindo!

Lindo!

.

Em 2009 o chef Jean-François Piège deixou para trás duas estrelas Michelin no restaurante Les Ambassadeurs, do Hotel Crillon. Levando na bagagem seu conhecimento e experiência, preferiu partir para uma aventura e se associar ao proprietário do Costes, Thierry Costes, um dos mais famosos empreendedores na área de hotéis e restaurantes que ditam tendência em Paris.

.

Jean-François Piège

Jean-François Piège

.

Entraram com fôlego total no comando das cozinhas da Thoumieux Brasserie e do Thoumieux Restaurant Gastronomique. Esse ano, vou experimentar o segundo que parece ser fabuloso e depois conto tudo aqui no blog. Hoje fico na narração só da Brasserie, que conheci e adorei.

.

Brasserie Thoumieux ,

Brasserie Thoumieux

.

No Thoumieux, qualidades essenciais estão presentes – para que a gente tenha vontade de voltar – tanto na decoração, quanto no serviço e claro, excelência nos pratos. Depois de se tornar moderna cozinha francesa, é uma das mais Dilucious na cidade Luz. Até rimou! Rsrsss… Então… vamos ao menu.

.

Cardápio do Thoumieux

Cardápio do Thoumieux

.

São pratos menos complexos e muito surpreendentes. Super criativo, Jean-François reinventa pratos tradicionais da culinária francesa e italiana. O humilde também tem vez nas mãos do chef: sardinha. Eu amo!  Na Europa a “pobre” e super saudável sardinha virou moda há uns três ou quatro anos. No Thoumieux, ela é servida em forma de rillette na sua própria latinha com um pão super crocante, uma manteiga “nacional”, sobre uma grande prancha de madeira.

.

Sardinha, manteiga e pão. Tudo de bão!

Sardinha, manteiga e pão. Tudo de bão!

.

Nada melhor que se dar o prazer de saborear essa gastronomia, onde clássicos e novas ideias se misturam e nos surpreende. Degustar criações, muitas vezes bem simples, é gratificante. Nos leva a pensar que a cozinha tem de ser bem feita, independente dos ingredientes. Olha essa salada de rabanete.

.

Salada

Salada

.

Para quem não sabe, bisque de lagosta é feita com as carcaças da lagosta. Já vi essa riqueza sendo jogada NO LIXO… Acredite se quiser (e se quiserem, dou a receita). Olha que maravilha essa versão do Thoumieux. Veio com rabanete, aquele macarrãozinho chinês que se chama vermicelle e raspas de brócolis. Deliciosa!

.

Bouillon de homard comme une bisque Vermicelle au gingembre radis coriandre, râpée de brocolis

Bouillon de homard comme une bisque – Vermicelle au gingembre radis coriandre, râpée de brocolis

.

Nessa viagem, poucos pratos me surpreenderam como esse. (Aliás, o que mais me surpreende, é sempre aquilo que não sei ou o que não consigo fazer.) Pizza souflée. A massa parece com o naan, aquele pão feito no tandoor (forno de argila), usado para substituir os talheres na Índia. Neste caso, a massa é levemente mais seca. Muito, muito bacana! Ah… Pulpe d’olive nada mais é que uma tapenade; a sobrasada é um embutido, tipo de linguiça e riquette é da família da rúcula, só que é mini e mais pungente.

.

De la pâre à pizza souflée Mozzarela, Sobrasada, Pulpe d'olive e Riquette

De la pâre à pizza souflée – Mozzarela, Sobrasada, Pulpe d’olive e Riquette

.

O próximo prato foi batata com caviar. O “ET” roxinho, desconhecido pela maioria das pessoas, se chama Vitelotte potatoes, que é uma batata completamente violeta, inexistente no Brasil. Eu já havia tido o prazer de conhecê-la na Alemanha. Foi usado 20gr de Caviar de France, que é cultivado em cativeiro e tem um custo/benefício excelente.

.

Caviar . Pomme de terre

Caviar . Pomme de terre

.

Nunca tinha comido Vitello Tonnato por achar que carne não combina com atum. Puro preconceito e engano meu! Quando bem preparado… hummm é maravilhoso! Foi assim que experimentei no Thoumieux. A carne cozida “suavemente” (isso quer dizer, baixa temperatura, acho eu) com purê de batata e a pasta do atum picante na dose certa… Inacreditavelmente perfeito!

.

Quasi de veau cuit doucement Condiment de thon / Citron / Parmesan

Quasi de veau cuit doucement – Condiment de thon / Citron / Parmesan

.

Equilíbrio perfeito entre sabores e texturas em cada prato vindo de uma cozinha gourmet atual, saborosa, requintada e simples.

.

Sobremesa

Sobremesa

.

O Thoumieux oferece prazer em cada garfada ou colherada, nessa então… Nesse churros, o chocolate tinha sabor de baunilha e no meio tinha Sucre Pétillant. (Lembram os posts que falamos sobre esse ingrediente inusitado? No festival Assim é Dilucious foi usado na sobremesa, se quiser, veja nesse link http://dilucious.com.br/?p=3917  e no PITADAS veja esse link http://dilucious.com.br/?p=3888)

.

Churros n'Rolls

Churros n’Rolls

.

BIBLIOTECA PRIVÉE

Além de tudo delicioso, os preços são acessíveis e depois de tanta comida, não posso deixar de mencionar a bibliothèque particular, do Chef Jean-François. Tem mais de mil livros de receitas que fazem a alegria dos amantes da gastronomia. (Ahhh… Sonho meu ter um luxo desse…) E lá, o chef aproveita o espaço como sala privée, onde permite que o cliente se deixe levar por um menu composto especialmente para ele (outro sonho meu… quem sabe?).

.

bibi

biblio c mesa

.

HOTEL THOUMIEUX

Além dos restaurantes, o hotel oferece quinze quartos renovados e decorados por India Mahdavi, conceituada designer de interiores. Definitivamente não é do meu gosto, acho que eu ficaria extremamente cansada dentro de um quarto nesse estilo, ainda que o chef diga que o hotel tem o melhor room service da França.

.

Captura de tela 2013-09-30 às 00.51

 

.

BOUTIQUE THOUMIEUX

Na boutique, habilidosos artistas combinam a filosofia da arte de comer de Jean-François com peças exclusivas, ajustando comida e diversão à mesa.

.

thoumieu

.

Se tiverem uma viagem marcada a Paris, não deixe de conhecer o Thoumieux. Garanto que você não vai se arrepender. Se for para almoçar ou jantar, não importa, depois saia passeando pela rue Saint-Dominique até a Esplanade des Invalides, vire a esquerda e vá ver uma das vistas mais lindas de Paris, na Pont Alexandre III. A ponte por si só, já é uma maravilha. Pare no meio dela e gire vagarosamente 360 graus, reparando o entorno. Se prepare! É muita beleza e emoção para um dia só! Bon voyage et bon appétit!

.

Pertinho da Esplanada des Invalides. Passeio maravilhoso!

Pertinho da Esplanade des Invalides. Passeio maravilhoso!

.

Hôtel Thoumieux

Rue Saint-Dominique, 79

75007, Paris, tel. 33 (0)1 47 05 49 75

www.thoumieux.fr

.

aaaa

Se quiser receber um e-mail avisando quando publicamos novo post, por favor, deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

ser com arte

Você poderá gostar de:

27 comentários em “THOUMIEUX

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk To aqui morrendo de rir do divinius! Vc é a pessoa mais espirituosa que conheço, ainda mais que ainda completa com essa do luxo para sorteio… kkkkkkkkkk (É melhor ainda o luxo fia, muuuuuito melhor)

  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk …. terei que voltar aqui !!!
    Como conseguir comentar alguma coisa , após essa tacada de mestre do humor da Ana Paula Lanari ???? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk , foi uma das melhores do bom astral da nossa amiga ….
    Sorteio , desse ” divinus” luxo ???? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk ,,,
    Beijos , Dilu . Depois que recuperar as ideias e o folego , deixo meu comentário sobre esse lindo post !!!

  3. Embarquei nessa viagem, restaurante, passeio a pé, parei na ponte e girei 360 graus em camera lenta.Como diz minha prima, “divinius” um luxo só!

    • Stella, Ana Pula puxou o sangue criativo da familia. Primeiro você com o Dilucious (gente, foi a Stella quem criou esse maravilhoso nome, que serei grata até na próxima encarnação) e agora ela com esse DIVINIOUS!!!! Obrigada, obrigada e obrigada!

  4. Que post motivador … adorei saber os detalhes da bela reforma , do Chef Jean-François Piège que apostou tudo no THOUMIEUX …
    Que cardápio !!! Os pratos são de belo visual e não deixa nenhuma dúvida de seus sabores mágicos …
    Dedicação de quem estuda e se dedica ao longo dos anos , para aprimorar seus conhecimentos , conceitos , experimentos , e proporcionar , ” viagem ” , magia , prazer , em quem tem o privilégio de lá estar a degustar tais obras de arte
    da gastronomia !
    Adorei como finalizou o post … Qdo vc disse : ”Pare no meio dela , gire vagarosamente 360 graus , reparando o entorno .
    Se prepare ! É muita beleza e emoção para um dia só ! ”
    Ficou divinamente Dilux e nos levou de forma mágica para a linda cidade luz !!!
    Beijos e parabéns por tantas maravilhas que generosamente vc divide conosco !

    • Ah Nilza minha querida, você como sempre me inspira… Estou escrevendo outro post (lindo por sinal) e claro… Vou usar o Dilux dentro do mesmo contexto, claro! Espere! Obrigada amiga, por sempre estar no meu pertinho e me ajudar tanto!

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps