Vida longa pro TANIT!

tanit-su-e-euHá mais de 20 anos, na llha de Comandatuba, conhecemos um casal paulista. De lá pra cá, estivemos juntos em São Paulo (várias vezes), Guarujá, Miami – inclusive, a filha mais nova deles, foi concebida em nossa casa em BH, o que nos faz brincar que eles têm uma filha mineirinha, que fala TREM, ao invés de Ô MEUUU”…

Mas confesso, Ô MEUUUU foi o que pensei quando eles disseram que nos levariam a um restaurante chamado TANIT. Você sabe… mineiro em Sampa quer conhecer o local mais falado, mais bacana, mais charmoso, mais isso e mais aquilo…

.

Vida longa pro TANIT!

Dilu Bartolomeo Villela

.

tanit-eu

.

TANIT? Nunca tinha ouvido falar!

.

“Oferecemos comida mediterrânea contemporânea, sem esquecer a essência do sabor e da matéria-prima de alta qualidade.” Palavras de chef.

“Oferecemos comida mediterrânea contemporânea, sem esquecer a essência do sabor e da matéria-prima de alta qualidade.”
Palavras de chef.

.

Claro que pesquisei: …blá blá blá… o chef catalão Oscar Bosch já trabalhou no célebre El Bulli, no El Celler de Can Roca… Sim, o próprio: aquele que fui na Espanha, segundo melhor restaurante do mundo.

.

tanit-drink

.

Sim, o chef teve bons mestres, desde sua infância na Catalunha ao lado do pai que tinha um restaurante, onde a estrela Michelin brilhava sobre as tapas.

.

Reinaldo, Suzana, eu e Luiz

Reinaldo, Suzana, eu e Luiz

.

E foi por causa do casal amigo, que é amigo do dono do TANIT, que conseguimos uma reserva e não ficamos na enorme fila de espera. Se tem fila de espera, bom sinal!

.

Tanit

.

Um sinal para fazermos rapidamente nossos pedidos. Claro, pra que esperar para “tapear”? Tapas vieram da cozinha envidraçada e abriram o desfile.

.\

Tanit

.

Primeiro veio o famoso (e caro) PRESUNTO espanhol com um pão super tradicional na Espanha, que vem molhado com tomate. Foi o único que não achei muita graça – puro gosto pessoal, na Espanha eu também não apreciei.

.

JAMÓN IBÉRICO CON PAN Y TOMATE

JAMÓN IBÉRICO CON PAN Y TOMATE

..

Já as BATATAS cozidas em azeite e depois fritas vieram macias e crocantes com recheio de chorizo espanhol e cobertas com molho de tomate que me pareceu um aioli com maionese meio picante. Realmente bravas, bravíssimas!

.

Batatas BRAVAS, BRAVÍSSIMAS

Batatas BRAVAS, BRAVÍSSIMAS

.

Os imperdíveis CROQUETES de alho poró com queijo de cabra então… afff! Que vontade de me trancar no quarto do hotel com um cento deles, só pra mim!

.

CROQUETAS DE ALHO PORÓ

CROQUETAS DE ALHO PORÓ

.

Até que não! Poderia ser só meio cento. O outro meio cento ficaria para as delicadíssimas (crocantes por fora e cremosas por dentro) “CROQUETAS” de jamón ibérico. Que escândalo!

.

tanit-croquetas

.

Pensando bem, escândalo mesmo seria a manchete: “mineira invade a cozinha do TANIT e dá cabo em todo o estoque de STEAK TARTAR”… kkkkkk… foi o que tive vontade de fazer com a muitíssimo bem preparada carne crua, com tutano, sedosa e “deitada” untuosamente em berço esplêndido.. oops, no tutano… – tão maravilhoso, ou mais, do que o que comi no L’Eggs em Barcelona, lembra? Esse prato vale uma viagem a São Paulo.

.

tanit-tartar

.

Ô gente, daqui pra frente fica difícil eleger o melhor. Qualquer um falaria que as carnes arrasam, mas o NHOQUE DE BETERRABA ao molho de queijo manchego e nozes caramelizadas… Uau! Estava tão bom, mas tão bom que mais parecia uma sobremesa.

.

tanit-nhoque-de-beterraba

.

O que dizer então do POLVO com panceta (pronuncia-se “pantiêta”) ibérica, que é barriga do porco, batatas e creme holandês à base de gemas e manteiga? Nem vou falar nada!

.

“Oferecemos comida mediterrânea contemporânea, sem esquecer a essência do sabor e da matéria-prima de alta qualidade.” Palavras de chef.

.

E o LEITÃOZINHO cozido em baixa temperatura servido com seu próprio molho? Macio e mesmo assim, pururucado, crocante, com farofa, purê de cenoura, chutney de repolho roxo e maçã. Pódio pra ele!

.

Pena que a foto não corresponde

Pena que a foto não corresponde

.

As sobremesas, pouco elaboradas na minha opinião, não se colocam no mesmo patamar do resto. A TORTA SANTIAGO feita com amêndoas e um toque de limão vem com sorvete de nata e creme inglês feito à base de leite aromatizado com açúcar e baunilha, e espessado com gemas. Só boa, nada mais.

.

tanit-torta-santiago

.

Idem para a MOUSSE de QUEIJO com frutinhas vermelhas, crumble, pistache e sorbet de framboesa… Sério, nem a apresentação me encantou, ficaram mesmo a dever – achei meio óbvias demais.

.

tanit-frutas-vermelhas

.

E o ambiente? A decoração, com pé direito bem alto, prioriza madeira clara nas paredes num estilo bem descontraído. Sofazinhos, numa lateral do ambiente, proporcionam conforto e aconchego.

.

img_5876

.

O atendimento não pode ser melhor! Tudo isso misturado a uma comida maravilhosa só pode exigir reserva com antecedência!

.

.
.

E o nome? Não sei qual a ideia, mas vou tentar explicar à minha maneira: TANIT, deusa fenícia, é o símbolo da força da terra. É a entidade responsável por governar o sol, as estrelas, a lua, enfim… uma Deusa Mãe. Aqui, Oscar Bosch é a “entidade” responsável por governar, e bem, as panelas, também símbolo da força da terra.

.

tanit-nome

.

Ah! Você deve estar imaginando se essa deusa tem o poder de esvaziar seu bolso. Não se preocupe, os valores praticados estão abaixo que os de Belo Horizonte e confesso: Ô MEUUUU que restaurante mais bacana, mais charmoso, mais isso e mais aquilo… Vida fértil e longa pro TANIT!

.

TANIT – Rua Oscar Freire, 145, Jardins – São Paulo – Tel.: 3062- 6385

.

Veja o post anterior dessa viagem a São paulo

Abre o AÇOUGUE CENTRAL em São Paulo

.

aaaa

Se quiser receber um e-mail avisando quando publicamos novo post, por favor, deixe seu email aqui. Obrigada, Dilu

BBB

Você poderá gostar de:

6 comentários em “Vida longa pro TANIT!

  1. A dica veio em boa hora. Vou lá no próximo sábado com minha esposa, eu espero que ela goste pra comemorar o aniversário dela. Obrigado pela dica, José Antônio

Deixe seu comentário.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

CyberChimps